NATAL

quinta-feira, 27 de julho de 2017

FIG 2017: Cantora Fafá de Belém esquentou o público na sexta noite

Cantora Fafá de Belém.
A sexta noite do Palco Principal no 27º Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) foi inteiramente dedicada aos ritmos do estado do Pará. Mesmo no frio de 16ºC, o público fez questão de ir à Praça Mestre Dominguinhos nesta quarta-feira (26) para conferir as apresentações de Belinha Lisboa, Arthur Espíndola, Lia Sophia e Fafá de Belém.  

O primeiro show foi o da garanhuense Belinha Lisboa. A cantora apresentou músicas autorais e fez homenagens a Dominguinhos e ao recifense Chico Science, vocalista da banda Nação Zumbi. Pela segunda vez no FIG, ela declarou estar honrada em abrir apresentação para grandes nomes da música paraense. “É indescritível ser a primeira a cantar em uma noite com tantos cantores importantes que eu me inspiro muito. É uma responsabilidade imensa”, afirmou.

O paraense Arthur Espíndola foi o segundo artista esquentar o público com canções de samba. É a primeira vez que o cantor se apresenta em Pernambuco. O show contou ainda com a participação especial da cantora Cristina Amaral. Ele foi sucedido por Lia Sophia, cantora, compositora e instrumentista do Pará. Pela segunda vez no FIG, a cantora trouxe uma mistura de merengue, salsa, cumbia, lambada e carimbó para o palco e ainda recebeu o Rei do Carimbó, Pinduca, artista que compôs clássicos do ritmo paraense. Juntos, eles cantaram “Dança do Carimbó” e “Carimbó do Macaco”.

Fafá de Belém veio para fechar a noite e esquentou os corações do público que se fez presente na Praça Cultural Mestre Dominguinhos, mesmo embaixo da chuva. Com mais de 40 anos de carreira, ela trouxe um repertório misto clássicos como “Abandona” e um de seus mais recentes lançamentos, “Meu Coração é Brega”, além de hits do brega paraense. O cantor Arthur Espíndola também fez uma breve participação. Fafá encerrou o show entoando o hino do Brasil e emocionando a todos. 

Daniela Batista e Cloves Teodorico
Secom/PMG.

Nenhum comentário:

Postar um comentário