sábado, 6 de abril de 2019

LAMPIÃO EM SERRINHA DO CATIMBAU (PARANATAMA) 1935


Créditos do vídeo - Aderbal Nogueira - Publicado em 6 de agosto de 2017   Dona Josefa Elias Correia conta como foi a entrada de Lampião em Serrinha do Catimbau


20 de julho de 1935. Na Vila de Serrinha do Catimbau (hoje Paranatama), 27 km a sudoeste da sede municipal de Garanhuns, a craviuna, sibilante e cortante, mantinha  seus habitantes, enrolados em cobertores e nos braços tranquilos de Morfeu. Somente um, o comissário Inácio Bezerra, porque autoridade policial, cula pele era preferentemente visada, se mantinha de olho aberto, preocupado com as notícias de Lampião por aquelas bandas próximas. No instante momento, duas da madrugada, em que soube de Lampião caminhando na direção da vila, foi acordar o escrivão Manuel Pereira dos Santos, a fim de consertarem os meios de defesa. A bem dizer não havia armas de cano longo, apenas um rifle e quatro balas! A solução seria a diplomacia fingida.

Lampião esteve nessa casa, no Sítio Queimada do André
Imagem/Blog Capoeiras

Acordaram todos os moradores que, de logo, e de todo modo, no sobrosso, abandonaram a rua, embrenhando-se no mato. O inspetor de quarteirão fugiu para garanhuns, onde se comunicou com o delegado, que enviou, de imediato, um cabo e três soldados. A família do investigador de polícia, Oséias dos Anjos, ali residente, também fugiu de caatinga a dentro. Ficaram somente quatro, entre eles o comissário e o escrivão.

Maria Gracinda da Conceição (D. Branca)
Imagem/http://www.wellingtonfreitas.com

Click no link abaixo e saiba mais sobre D. Maria Gracinda da Conceição (D. Branca):

http://www.wellingtonfreitas.com/2016/06/mulher-agredida-por-lampiao-completa.html

Lampião estava acompanhado de Maria Bonita, Maria Ema, Medalha, Fortaleza, Juriti, Moita Braba e Gato, estiveram no dia anterior, sexta-feira, no Sítio Azevém, distante cerca de uma légua de Serrinha,  assaltaram a casa e bodega do casal Zé Basílio e Maria Gracinda da Conceição (D. Branca), mãe de um menino de oito meses e grávida do seu segundo filho e estupraram as duas irmãs do dono da casa: Antônia e Josefa. Do Azevém os cabras foram para o Sítio Queimada do André, onde assassinaram o idoso José Gomes.
José Gomes Bezerra
Assassinado pelo bando de Lampião
Imagem/Blog Capoeiras

Com os galos amiudando, ou seja, 4 da madrugada, chegou o grupo montado a cavalo. Avistando os quatro homens na boca da rua, um dos cabras gritou:

- "Não se altere ninguém!"

Eles responderam:

- "Estamos calmos".

Desapeiaram-se. Seis homens e duas mulheres.

Um deles avançou calmamente:

- "Eu sou Lampião. Já me esperavam? Como vai isso aqui? Tem gente armada?"

Falsamente humildes, responderam os quatro, admirando o número tão reduzido do grupo, quem nem polícia, nem gente armada havia.

- "Quero fazer negócio na calma - disse Lampião - quero ir na casa do chefe João Cacheado" (João Marques).

- "Não está", responderam, a uníssono, os quatro.

E explicaram que todo o povo tinha fugido. As casas estavam vazias.

Entre desconfiado e meio agastado, fazendo um largo gesto de chamada com o braço acompanhado de inclinação da cabeça para o lado, ordenou Lampião aos seus:

- "Vamos, então, na casa de Chiquito" (Francisco das Chagas).

Inadvertidamente deixando aqueles quatro de aparência tão simplória, partiu Lampião, com seu grupo, rua adentro, a passos largos.
João Caxeado, um dos defensores de Serrinha
do Catimbau
Imagem/http://cariricangaco.blogspot.com

Aproveitando esse momento entraram os quatro numa casa previamente determinada.

Inda bem Lampião acabara de bater duas ou três vezes na porta da casa vazia de Chiquito, ao mesmo tempos que outros já se dispunham a arrombar a venda de Manuel Pedro, da casa, onde entraram os quatro, partiram tiros disparados nervosamente, atingindo o grupo pelas costas.

No meio dos estampidos, o grito angustiado de Maria Bonita:

- "Me mataram! Me acuda, Virgulino!"...

Enquanto os cabras, com incrível rapidez, se apragatavam no chão e mandavam cumandita de bala, os quatro na confusão, desembestaram, pelos fundos da casa em que estavam, numa carreira louca, fugindo por dentro da caatinga.

Lampião mais preocupado com a sua Santinha do que com uma desforra e mesmo desconfiando do que poderia estar por trás do silêncio daquela vila de portas e janelas fechadas, resolveu retirar-se de imediato.

Feridos, levemente, de raspão, um cabra e  a outra mulher, Maria Ema. Quanto à sua amada não pudera Lampião verificar ainda a natureza do ferimento, que, no entanto, dentro do município de sua afeição por ela, lhe parecia grave.

Tomando Santinha nos seus braços, Lampião cercado pelo grupo lhe dando cobertura, armas aperradas, bala na agulha, saiu ligeiro pelo lado oposto donde vieram os tiros. Aí, na ponta da rua, acomodou Santinha numa rede espichada num pau de carregar e seguiu, de a pé mesmo, deixando os animais de montaria, arreiados, lá na outra extremidade da vila. Ficaram, no meio da rua, uma capa e um cachorro morto, pertencente ao grupo.

Chegando na casa do finado Zé Gomes, na Queimada do André, encontrou Lampião várias pessoas guardando o cadáver e aguardando a hora de começar a reza-de-defunto. Chamou alguns homens para conduzir a rede, de vez que precisava ele com os seus cabras estarem livres para quaisquer emergências. Nesse momento, Maria Bonita botou sangue pelo ferimento várias vezes. Hemorragia, de certo, provocada pelo embalo sacudido da rede durante a marcha puxada. Conseguiu Lampião deter o sangue com chumaços de gaze limpa aplicada e apertada na ferida.

No meio do caminho, Lampião ia comentando:

- Traiçoeiros! Covardes! é por isso que não vale a pena tratar bem essa gente. Somente o povo de Serrinha e Mossoró me fizeram careta. Sendo que Mossoró tinha homens, mas em Serrinha somente covardes. Isto vai custar caro".

Depois de alguns passos, parou e disse alto, o cenho franzido de indignação, para um dos carregadores da rede:

- Diga àqueles papa-favas de Serrinha que vou mandar chamar Corisco e que ele reúna todos os meus cabras. Então volto à Serrinha e eu juro que deixo a vila reduzida a um montão de terra e numa légua em redor não escapa nem pagão. A minha vingança será sem limite. Os patifes Mané Ferreira e Zé Birunga vão ajustar contas comigo".

Torceu Lampião à esquerda na direção da Serra do Ermitão, onde foi cercado pela polícia já no seu encalço. Furou o cerco e prosseguiu para o Sacão, fazenda de Zé Augusto Pinto, possuidor da maior criação de caprinos de Pernambuco. Logo depois chegou aí a força do sargento Percílio, que se negou atender à insinuação de alguns civis de continuar na persiga.

Sempre subindo em diagonal mandou Lampião todos calçassem as especiais apragatas peludas "viradas", isto é, o bico no calcanhar e vice-versa, a modo de moldar os rastos em contramarcha enquanto um tal de João Coxo, caminhando no coice, se incumbia de apagar, com uma vassoura de mato, outros mínimos vestígios deixados.

Em lagoa, junto à Cacimba Nova, escolheu quatro dentre os carregadores da rede, despedindo os demais, aos quais pagou regiamente a importância de cento e cinquenta mil réis.

Novamente cercado pelas forças do capitão Calmon e do tenente José Jardim, no momento em que Mário Lira, com quinze homens armados, conduzia mantimentos para a soldadesca. Ocasião em que, por um tico, não foi Lampião encontrado. De fato, escondera-se ele com os seus no meio duma caatinga fechada. A rede, com Maria Bonita, colocada no chão, mais atrás, por segurança. Todos agachados com as armas engatilhadas, prontos para fazerem fogo, mas só se as forças o fizessem primeiro. No caso, os carregadores, deitados na frente para não traírem com algum sinal, seriam os primeiros sacrificados. E nesta posição todos puderam, a respiração presa e o olhar aguçado, numa ansiosa situação entre a vida e a morte, assistir a passagem das tropas farejando, vasculhando...

Mais para cima, no Riacho do Saco, o encontro, por acaso, de um rancho de mato, com vestígios de sangue no seu interior, deu a pista à polícia do rumo tomado por Lampião - a Serra do Tará. Fonte: Livro Lampião, Seu Tempo e Seu Reinado do escritor Frederico Bezerra Maciel - Foi mantida a grafia da época.

PERSONALIDADES QUE RECEBERAM A MEDALHA DO CENTENÁRIO DE GARANHUNS EM 1979

GARANHUNS - Prefeito Ivo Tinô do Amaral, Mons. Adelmar da Mota Valença, Comandante do 71º BI, Te. Cel. Luiz Augusto da Silva Tavares e o Prof. Edson Farias, em setembro de 1977


DECRETO Nº 641

"Outorga "MEDALHA DO CENTENÁRIO" e dá outras providências".

O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE GARANHUNS, no uso de suas atribuições e, tendo em vista o que determina o Artigo 2º do Decreto Nº 570/78, de 04.01.1978,

DECRETA:

Art. 1º - Fica outorgada à Senhora: 

MARIA VERÔNICA DA MOTA SILVEIRA

e aos Senhores:

ACÁCIO RODRIGUES ALVES
ADELMAR DA MOTA VALENÇA
GERSON DA ROCHA GOUVEIA
TARCÍSIO CORDEIRO FALCÃO
UZZAE CANUTO

a "MEDALHA DO CENTENÁRIO", em reconhecimento pelos relevantes serviços prestados, em prol do desenvolvimento Sócio-Educacional do Município de Garanhuns, nos seus primeiros cem anos de emancipação política.

Art. 2º - O presente Decreto entrará em vigor  na data de sua publicação.

Art. 3º - Revogam-se as disposições em contrário.

PALÁCIO MUNICIPAL CELSO GALVÃO, em 31 de janeiro de 1979

IVO TINÔ DO AMARAL

PREFEITO

sexta-feira, 5 de abril de 2019

GOVERNO DE PERNAMBUCO LANÇA EDITAL DO FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS 2019


Está dada a largada para o 29º Festival de Inverno de Garanhuns (FIG 2019): shows, cortejos, intervenções, recitais, concertos, vivências criativas, espetáculos, desfiles, exposições, mostras, ações de patrimônio cultural e outras atividades culturais reunidas numa dos municípios mais charmosos do agreste de Pernambuco. O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Cultura (Secult) e da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) divulga, nesta sexta-feira (5/abril), seu edital de inscrição e seleção de propostas, cujo prazo vai de 12 de abril a 07 de maio, de forma presencial ou por correspondência. O FIG 2019 acontece na segunda quinzena de julho, em diversos polos e palcos espalhados em Garanhuns.

Poderão apresentar propostas pessoas físicas ou jurídicas, de todo território nacional, que comprovem sua atuação na atividade artístico-cultural. Serão aceitas inscrições em atividades artístico-culturais (shows, performances, recitais, exposições, desfiles, mostras, vivencias, etc) nos segmentos das: Artes Visuais, Audiovisual, Circo, Cultura Popular, Dança, Design e Moda, Fotografia, Gastronomia, Literatura, Música, Patrimônio Cultural e Teatro.

A listagem com as propostas classificadas na análise Artístico-Cultural estará disponível aqui no portal Cultura-PE e na sede da Secult-PE/Fundarpe. A informação referente ao resultado será divulgada no Diário Oficial do Estado. O prazo estabelecido para a divulgação de todo esse processo é 18 de junho.

GARANHUNS - ELIOMAR É DESTAQUE NO CAMPEONATO GAÚCHO DE FUTEBOL


Eliomar, 32 anos, atualmente jogando no futebol gaúcho vem se destacando na equipe do  Caxias, de Caxias do Sul - RS. Eliomar é de Garanhuns e começou jogando futsal na Escola São José e jogou muito futsal aqui em Garanhuns. Entre os clubes que já jogou como jogador profissional estão: Náutico, Chapecoense, Joinville, Figueirense, Novo Hamburgo, Icasa, Guarany/CE e antes de ir para o Caxias, estava jogando no Brusque (SC). Em ótima fase no campeonato gaúcho ajudou em muito o Caxias passar para semifinal do Gauchão 2019.

Fonte: Blog do Ismaradona

SEGUNDA CÂMARA RECOMENDA A REJEIÇÃO DAS CONTAS DE ITAÍBA

A Segunda Câmara recomendou a rejeição das contas de governo da prefeitura de Itaíba, nesta quinta-feira (04), à Câmara de Vereadores do município. O parecer prévio, da relatoria do conselheiro Carlos Porto, é referente ao exercício financeiro de 2016, cujo mandato estava sob responsabilidade de Juliano Nemésio Martins.

Segundo o relatório de auditoria que fundamentou o parecer (processo n° 17100166-7), o ex-prefeito descumpriu limites legais e constitucionais nas áreas de despesa total com pessoal e aplicação nas ações e serviços públicos de saúde. Além disso, foram apontadas outras irregularidades, como déficit de execução orçamentária, nível de transparência “crítico”, segundo índice de transparência dos municípios medido pelo TCE; desequilíbrio atuarial no Regime Próprio de Previdência Social (RPPS); e repasse de duodécimos ao Poder Legislativo após o prazo previsto na Constituição Federal.

O conselheiro Carlos Porto determinou à Prefeitura a elaboração da programação financeira e do cronograma mensal de desembolsos, visando ao controle do gasto público; a adoção das medidas cabíveis com vistas ao aprimoramento do processo e elaboração dos instrumentos de planejamento orçamentário. Estabeleceu, ainda, que tome as medidas necessárias com vistas ao ajuizamento e cobrança dos créditos inscritos na dívida ativa; e cumpra os procedimentos mínimos de transparência na gestão fiscal e de informações disponibilizadas na internet e ao cidadão. Fonte: Gerência de Jornalismo do TCE.

quinta-feira, 4 de abril de 2019

GARANHUNS - AGENTES PÚBLICOS SE COMPROMETEM A PAGAR MULTAS PELA CONTRATAÇÃO DE PARENTES PELO MUNICÍPIO


Sete pessoas, dentre secretários ou ex-secretários municipais de Garanhuns, firmaram termos de compromisso perante o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) para realizar o pagamento de multas devidas em razão de terem cônjuges ou parentes até o 3º grau contratados, com o seu conhecimento, para atuar na administração municipal, o que não é permitido pela legislação. Os termos foram assinados na última terça-feira (2), em reunião realizada na sede das Promotorias de Justiça de Garanhuns, com a delimitação dos valores a serem pagos pelos agentes públicos, mediante depósitos na conta do Fundo de Defesa dos Direitos Difusos.

Conforme os termos de compromisso, publicados no Diário Oficial desta quinta-feira (4), os compromissários se dispuseram a colaborar com o esclarecimento dos fatos e reconheceram a necessidade de ajustar-se aos princípios da administração pública. Todos os familiares dos agentes públicos foram exonerados no mês de agosto de 2017 e, segundo o que foi apurado pelo MPPE, não houve notícia de danos ao erário em virtude das contratações, o que afasta a necessidade de ressarcimento aos cofres públicos.

“Os termos de compromisso foram firmados com base no artigo 39, parágrafo §2º, da Resolução CSMP 03/2019, que prevê a possibilidade de termo compromisso nas hipóteses configuradoras de improbidade administrativa. E teve como princípios a resolutividade, a busca da solução consensual dos conflitos e a produção de resultados juridicamente úteis e socialmente relevantes, em conformidade com a Resolução 118/2014 e a Recomendação 54/2017, ambas do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP)”, destacou o promotor de Justiça Domingos Sávio Agra.

As multas aplicadas variam de R$ 588,00, no caso de uma servidora cujo familiar trabalhou na administração municipal por dois meses, até R$ 21.758,00, que foi o caso de uma secretária que tinha dois parentes trabalhando por períodos de 44 e 23 meses. Fonte: MPPE.

SIVALDO SOLICITA AO TJPE A IMPLANTAÇÃO DE UMA VARA DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA EM GARANHUNS

Desembargador Adalberto Oliveira e o deputado Sivaldo Albino
Na tarde da última terça-feira, dia 3,  o deputado estadual Sivaldo Albino solicitou ao Presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco, desembargador Adalberto de Oliveira Melo, a implantação de uma Vara de Violência Doméstica em Garanhuns.

Antigo pleito da sociedade de Garanhuns e do Agreste, sobretudo das mulheres, bem como dos órgãos públicos que fazem o enfrentamento da violência doméstica no município, a exemplo da 1ª Vara Criminal de Garanhuns, da Delegacia da Mulher, e da Secretaria Estadual de Direitos Humanos, estas varas especializadas buscam prevenir, punir e coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher, mais precisamente os crimes previstos na Lei Maria da Penha.

Vale ressaltar que tais Varas são de competência híbrida, isto é, operam tanto na esfera criminal, quanto na esfera cível.

Por enquanto foram contemplados com estes equipamentos apenas os municípios de Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Igarassu, Camaragibe, Cabo de Santo Agostinho, Caruaru e Petrolina.

Durante a reunião com Sivaldo Albino, o presidente Adalberto de Oliveira mostrou-se bastante sensível à causa, despachando de imediato o pleito para as unidades técnicas do Tribunal, oportunidade em que afirmou que a implantação da Vara de Violência no município de Garanhuns, em razão dos mais de 1.300 processos que já tramitam na Comarca (enquadrados na Lei Maria da Penha), seria apenas uma questão de tempo, ou seja, do tempo normal exigido pela burocracia para a criação do equipamento.

A notícia foi recebida com alegria pelos membros do Judiciário local.

Para Sivaldo, “a implantação dessa Vara especializada em violência contra a mulher, em Garanhuns, significa não apenas a conquista, pela sociedade, de mais um eficaz instrumento de combate à violência de gênero, mas sobretudo a comprovação de que tanto o Poder Judiciário, quanto o Legislativo e o Executivo estaduais estão unidos na luta pela erradicação da violência contra a mulher, esse terrível mal que tem destruído tantas famílias e envergonhado nossa sociedade”. Fonte: Blog do Roberto Almeida

quarta-feira, 3 de abril de 2019

IVO AMARAL REALIZA ENCONTRO COM O EX-MINISTRO DO STF AYRES BRITTO

Recife - Ex-ministro Ayres Britto e o advogado Ivo Amaral na sede da OAB-PE,  plenário que leva o nome de Urbano Vitalino

Na última segunda-feira, primeiro de abril de 2019, Ivo Amaral Júnior, Secretário Geral Adjunto do Conselho Estadual da OAB/PE, participou de um encontro  em Recife, com o Professor e Ministro Aposentado  do Supremo Tribunal Federal,  Carlos Ayres Britto. Ayres Britto veio a Recife fazer uma palestra sobre os 100 anos do Jornal do Comércio. Ivo Júnior é filho do ex-prefeito de Garanhuns Ivo Tinô do Amaral.

Ivo Amaral faz parte da equipe do escritório Urbano Vitalino Advogados, que tem como marca sua vasta tradição jurídica.  O Urbano Vitalino é conhecido nacional e internacionalmente através de publicações especializadas, está preparado para atuar em todas as áreas do direito empresarial, nas 5 regiões do país. Além disso, possui uma unidade própria em Angola e parcerias nos Estados Unidos, América Latina e Europa.

Ivo Amaral nasceu em Garanhuns é diplomado pela Universidade Católica de Pernambuco – UNICAP. Pós-graduado em Direito Processual Civil pela Universidade Federal de Pernambuco – UFPE. Pós-graduando pela Fundação Dom Cabral no PDD – Programa de Desenvolvimento de Dirigentes. Pós-graduado LL.M. Direito Corporativo pelo IBMEC – City Business School, com extensão no Babson College. Secretário Geral Adjunto do Conselho Estadual da OAB/PE, Presidente do CESA – Centro de Estudos das Sociedades de Advogados em Pernambuco e Membro da Comissão Nacional de Sociedades de Advogados do Conselho Federal da OAB.

Carlos Ayres Britto, nasceu em 18 de novembro de 1942, na cidade de Propriá, Estado de Sergipe, filho de João Fernandes de Britto e D. Dalva Ayres de Freitas Britto. 

PAULO DE MELO, O POETA DA NATUREZA

Escritor Paulo de Melo e o artista plástico Wando Pontes
Por Renato Siqueira*

Natural de Palmeirina - PE, o escritor Paulo de Melo vem se destacando no cenário literário e ambiental devido o seu trabalho como poeta e na luta pela  preservação do meio ambiente. Paulo já lançou dois livros e dois CDs, além de ter várias participações em eventos literários em nosso Estado e no Brasil. 

A  obra de Paulo de Melo além de defender a preservação da natureza, em forma de poesia, faz o leitor refletir sobre diversos assuntos do país que merecem atenção especial.     

Paulo Melo é compositor, cantor, ambientalista e membro da União Brasileira de Escritores - UBE Núcleo Garanhuns.

* Renato Siqueira é contador, escritor, jornalista e ex-presidente do Núcleo da União Brasileira de Escritores - UBE do Agreste Meridional.

terça-feira, 2 de abril de 2019

PREFEITURA DE SALGADO - SE ANUNCIA PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

A Prefeitura de Salgado - SE anunciou a realização do processo seletivo simplificado, regido pelo edital n.º 001/2019, visando à contratação de 195 profissionais em cargos de todos os níveis de escolaridade, com salários que variam de R$ 998,00 a R$ 10.000,00.

Cargos

ALMOXARIFE, ASSISTENTE SOCIAL, AUXILIAR ADMINISTRATIVO, AUXILIAR DE HIGIENIZAÇÃO, CUIDADOR SOCIAL, DIGITADOR, EDUCADOR SOCIAL, ENTREVISTADOR DO BOLSA FAMÍLIA, MOTORISTA (CARTEIRA B), OFICINEIRO DE ARTESANATO, PEDAGOGO, OFICINEIRO DE ARTES MARCIAIS, OFICINEIRO DE DANÇA, OFICINEIRO DE MÚSICA, PSICÓLOGO, PSICOPEDAGOGA, TÉCNICO DE REFERÊNCIA DA VIGILÂNCIA SOCIOASSISTENCIAL, TÉCNICO DE REFERÊNCIA DO PROGRAMA BOLSA, FAMÍLIA E CADASTRO ÚNICO, TÉCNICO DE REFERÊNCIA DA CASA LAR, TÉCNICO DE REFERÊNCIA DO CRAS, TÉCNICO DE REFERÊNCIA DO CREAS, TÉCNICO DE REFERÊNCIA DO PROGRAMA CRIANÇA FELIZ.

VIGILANTE, VISITADOR PROGRAMA CRIANÇA FELIZ, SUPERVISOR DO SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA E FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS IDOSOS, SUPERVISOR DO SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA E FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS CRIANÇAS E ADOLESCENTES, SUPERVISOR TÉCNICO DA PROTEÇÃO SOCIAL BÁSICA, DESIGN GRÁFICO, AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS, AUXILIAR ADMINISTRATIVO, TÉCNICO EM CONTABILIDADE, ALMOXARIFE, FISCAL DE TRIBUTOS, VIGILANTE DA ADMINISTRAÇÃO, MOTORISTA, MOTORISTA OFICIAL, FOTÓGRAFO, DIGITADOR, CONSULTOR TÉCNICO, AUXILIAR DE SALA DE AULA, MOTORISTA DE ÔNIBUS INTERMUNICIPAL, NUTRICIONISTA, TÉCNICO EM NUTRIÇÃO, SERVENTE.

AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS, VIGILANTE, PORTEIRO, ARQUITETO, AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS, AUXILIAR ADMINISTRATIVO, ELETRICISTA, PINTOR, PEDREIRO, SERVENTE DE PEDREIRO, ENCANADOR, SOLDADOR, CARPINTEIRO, CALCETEIRO, FISCAL DE SERVIÇOS URBANOS, FISCAL DE OBRAS, FISCAL DE FEIRA LIVRE, FISCAL DE POSTURAS, FISCAL DE MEIO AMBIENTE, GARI, MECÂNICO DE VEÍCULOS LEVES, MECÂNICO DE VEÍCULOS PESADOS, MOTORISTA, MOTORISTA DE VEÍCULOS PESADOS, MOTORISTA DE TRANSPORTE DE CARGA, OPERADOR DE RETROESCAVADEIRA.

OPERADOR DE PATROL, TRATORISTA, VIGILANTE, COLETOR DE RESÍDUOS SÓLIDOS, ROÇADOR (CAPINADOR), COVEIRO, SUPERVISOR DE OBRAS, TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES, ENGENHEIRO CIVIL, AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE, AGENTE DE COMBATE AS ENDEMIAS, ALMOXARIFE, ASSISTENTE DE FARMÁCIA, ASSISTENTE SOCIAL, ATENDENTE DE CONSUL. DENTÁRIO, AUXILIAR ADMINISTRATIVO, AUXILIAR DE LABORATÓRIO, AUXILIAR DE SAÚDE BUCAL, AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS, BIOQUÍMICO, CIRURGIÃO DENTISTA, COORDENADOR DE PROGRAMAS, ENFERMEIRO, FARMACÊUTICO/BIOQUÍMICO, FISCAL DA VIGILÂNCIA SANITÁRIA, FISIOTERAPEUTA, FONOAUDIÓLOGO, MÉDICO, entre outros.

Do total de vagas para cada cargo das que vierem a ser oferecidas durante o prazo de validade do processo seletivo simplificado, 5% (cinco por cento) serão reservadas às pessoas com necessidades especiais.

As inscrições serão feitas gratuitamente na Sede da Prefeitura de Salgado, situada na Av. João Alves Filho, s/n, Centro, Salgado/SE, no período entre 3 e 5 de abril de 2019, das 8h às 12h para os cargos da Secretaria da Administração, Educação/Saúde e das 14h às 17h para os cargos da Secretaria Obras e de Assistência Social e demais Secretarias. Fonte: Concursos no Brasil.

VIVA DOMINGUINHOS NO APP GARANHUNS


O aplicativo Garanhuns é pioneiro em toda história da cidade, onde oferece ao seu público um guia virtual completo para facilitar o passeio e o acesso a serviços considerados básicos.

Dentre todas as funcionalidades já existentes no App Garanhuns, está sendo disponibilizada uma aba especial para o evento “Viva Dominguinhos”. Nesta aba o usuário tem acesso ao conteúdo completo previsto para acontecer durante os 3 dias de festa.

Para os interessados em participar do Viva Dominguinhos, o App Garanhuns contém informações úteis como a Programação completa dividida por dias e polos, além de histórias das principais Atrações, Informações sobre o evento, dentre outros conteúdos.

E para o turísta que procura por um bom lugar para fazer refeições ou indicações de lugares para fazer compras, o aplicativo exibe de forma simples todos os pontos da cidade através dos campos “Onde Comer & Beber” e “Onde Comprar”.

O​ ​aplicativo Garanhuns​ é gratuito e está disponível nas versões ​iOS​ e​ ​Android​. 

Baixe Grátis para Android e iOS


Arretada Comunicação

PERSONALIDADES QUE RECEBERAM A MEDALHA DO CENTENÁRIO DE GARANHUNS EM 1979

Rubens Vaz da Costa


DECRETO Nº 640

"Outorga "MEDALHA DO CENTENÁRIO" e dá outras providências".

O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE GARANHUNS, no uso de suas atribuições e, tendo em vista o que determina o Artigo 2º do Decreto Nº 570/78, de 04.01.1979.

DECRETA:

Art. 1º - Fica outorgada aos Senhores:

ELÍSIO ALVES PINTO
JAIME DE OLIVEIRA LUNA
JOÃO DE DEUS DE OLIVEIRA DIAS
JOSÉ FRANCISCO DE SOUZA
JOSÉ POMPEU LUNA
LAURO DE ALEMÃO CISNEIROS
LUÍS INÁCIO DE MIRANDA JARDIM
MAIR MARANHÃO LAPENDA
NELSON PAES DE MACÊDO
OSVALDO GONÇALVES DE MEDEIROS
RUBENS VAZ COSTA

a "MEDALHA DO CENTENÁRIO", é em reconhecimento pelos relevantes serviços prestados, em prol do desenvolvimento Sócio-Cultural do Município de Garanhuns, nos seus primeiros cem anos de emancipação política.

Art. 2º -  O presente Decreto entrará em vigor na data de sua publicação.

Art. 3º - Revogam-se as disposições em contrário.

PALÁCIO MUNICIPAL CELSO GALVÃO, em 31 de janeiro de 1979

IVO TINÔ DO AMARAL

PREFEITO 

Medalha do Centenário de Garanhuns

ALEPE - JUNTAS ANUNCIAM PROJETO PARA PROIBIR NOME DE TORTURADORES EM PRÉDIOS PÚBLICOS

Os 55 anos do Golpe Militar de 1964, completados nesse domingo (31), foram registrados por Jô Cavalcanti, representante do mandato coletivo Juntas (PSOL), na Reunião Plenária desta segunda (1º). A deputada relembrou crimes cometidos no período e anunciou projeto de lei para proibir que prédios, rodovias e outros bens públicos estaduais recebam o nome de responsáveis por violações de direitos humanos, de acordo com o relatório final da Comissão Nacional da Verdade (CNV).

“Esse regime violentou, torturou e assassinou milhares de pessoas, deixando cicatrizes profundas na história do País. A gente não pode se esquecer disso”, discursou. “A proposição contribui para a memória do Brasil e para a reparação simbólica das vítimas da ditadura.” O texto ainda prevê que sejam alterados os nomes de repartições e retiradas as homenagens (placas, retratos e bustos) a essas pessoas em até um ano, entre outras medidas. Fonte: ALEPE.

segunda-feira, 1 de abril de 2019

CANGAÇO - PROGRAMAÇÃO 2019 DO NÚCLEO DE ESTUDOS DA UBE


Recife - Em 09 de abril de 2019, com coordenação da escritora Rosa Bezerra, em encontro com início previsto para as 16h na Casa Rosada da Rua Santana, a União Brasileira de Escritores vai dar a largada da temporada 2019 do Núcleo de Estudos do Cangaço com sessão dedicada a "Dadá: cangaceira, mãe e guerreira".

DETIDO SUSPEITO DE ABUSAR SEXUALMENTE DE CABRAS NO AGRESTE


Um homem de 51 anos foi detido em flagrante suspeito de abusar sexualmente de cabras na cidade de Brejo da Madre de Deus, no Agreste de Pernambuco. Segundo a Delegacia de Polícia Civil da cidade, o caso ocorreu no último sábado (30), no Sítio Queimadas, na Zona Rural. 

O suspeito foi encontrado despido no local. Moradores da região imobilizaram o homem e acionaram a Polícia Militar, que o encaminhou à Delegacia de Santa Cruz do Capibaribe. 

A Polícia Civil de Pernambuco, em nota enviada ao Portal FolhaPE, informou que o homem foi autuado por crueldade contra animais. O suspeito foi encaminhado à audiência de custódia Fonte: Portal FolhaPE.

GARANHUNS - INSCRIÇÃO PARA CANDIDATOS A MEMBRO DO CONSELHO TUTELAR


O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica) publicou, nesta segunda-feira (01), o edital n° 003/2019 que regulamenta o processo de escolha dos membros do Conselho Tutelar de Garanhuns para o quadriênio 2020/2024. A inscrição de candidatos terá início nesta terça-feira (02) e segue até o dia 03 de maio.

O processo de escolha será dividido em cinco etapas; inscrição dos candidatos, análise pela comissão especial eleitoral, aplicação de uma prova sobre direitos da criança e do adolescente, divulgação dos candidatos aprovados e processo de escolha por voto direto.

O conselho tutelar será composto por cinco membros titulares e cinco membros suplentes para o mandato de quatro anos, com carga horária de 40 horas semanais e atendimento ao público das 08h às 18h, de segunda a sexta-feira.

A inscrição dos candidatos será realizada na sede do Comdica, localizada na rua Ernesto Dourado, n° 890, bairro Heliópolis, das 08h às 14h. Todos os requisitos necessários para a candidatura e outras informações estão disponíveis no edital que regulamenta o processo, no Diário Oficial dos Municípios da Amupe desta segunda. Fonte: Secom/PMG.

GARANHUNS - SESC OFERECE MINICURSO SOBRE AUTORAS AFRICANAS E BRASILEIRAS

Escritora Dina Salúsio, de Cabo Verde 

O estilo literário presente nas obras de três autoras contemporâneas da Língua Portuguesa será estudado no minicurso “A Escrita Feminina em África e no Brasil”, promovido pelo Sesc Garanhuns, que começa nesta segunda-feira (1º/4). As aulas serão realizadas no Laboratório de Autoria Literária Luzinette Laporte e, para se inscrever, os interessados podem ir ao Ponto de Atendimento da Unidade, que fica na Rua Manoel Clemente, 136, no Centro. O investimento é de R$ 50, mas os trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo e seus dependentes têm desconto e pagam R$ 25.

A ideia do projeto é aproximar o público da literatura produzida por mulheres negras, que enfrentam dificuldades para se consolidarem no mercado. “Quando se faz um recorte de gênero, a participação de mulheres negras é ainda mais ofuscada, se comparado à produção de mulheres brancas. Se partirmos para a produção literária de países africanos, essa questão é mais complexa ainda”, explica a professora de Literatura do Sesc Garanhuns, Marcilene Silva.

Serviço: Minicurso “A Escrita Feminina em África e no Brasil”

Início: 1º de abril

Horário: 19h às 22h

Local: Laboratório de Autoria Literária Luzinette Laporte – Rua Manoel Clemente, 136, Centro

Inscrições: R$ 50 (público geral) e R$ 25 (trabalhadores do comércio e seus dependentes)

Informações (87) 3761-2658

SÃO BENTO DO UNA - TCE RECOMENDA REJEIÇÃO DAS CONTAS DA PREFEITURA ANO 2016

Recife - A Segunda Câmara do Tribunal de Contas de Pernambuco analisou, na última quinta-feira (28), as contas de governo da prefeitura de São Bento do Una, referente ao exercício financeiro de 2016. A relatoria do processo foi do conselheiro Carlos Porto.

O relator emitiu parecer prévio recomendando à Câmara de Vereadores de São Bento do Una a rejeição das contas da gestão da atual prefeita do município, Débora Luzinete de Almeida Severo, que está no seu segundo mandato. Entre as principais irregularidades identificadas (processo n° 17100013-4), estão a reincidente extrapolação do limite de despesa total com pessoal (54%), que alcançou 66,18% da receita corrente líquida, e o não recolhimento das contribuições patronais devidas ao Regime Geral de Previdência Social (RGPS), que atingiram o valor de R$ 694.030,22. Fonte: Gerência de Jornalismo TCE.

GESTORAS DAS LINGUAGENS DESTACAM CONQUISTAS FEMININAS NOS SEGMENTOS CULTURAIS


*Colaboraram Bruno Souza e Marcus Iglesias

Recife - Em homenagem ao Mês da Mulher e à intensa participação feminina na construção de políticas culturais no Estado, a Secretaria de Cultura e a Fundarpe lançaram neste mês de março a campanha #MulheresdaCultura. A iniciativa, que visa dar visibilidade à atuação/produção cultural feminina em Pernambuco, selecionou, ao longo de quatro semanas, depoimentos de mulheres de diversos segmentos/instâncias que evidenciem o protagonismo e a contribuição feminina na cultura.

Para isso, foram ouvidas dez representantes da sociedade civil que integram os três conselhos estaduais criados pela Secretaria de Cultura e Fundarpe (Política Cultural, Preservação do Patrimônio Cultural e Consultivo do Audiovisual); dez gestoras da rede de equipamentos culturais gerenciados pelo Estado; e, para encerrar a campanha #MulheresdaCultura, vamos contar com a participação de nove assessoras e coordenadoras de linguagens da Secult-PE/Fundape para falarem da sua experiência à frente da formulação e implementação de políticas públicas para o segmento cultural no Estado. 

Confira os depoimentos:

“Com uma história de muitos anos na área cultural, considero que a experiência e atuação das mulheres têm sido cada vez mais reconhecidas no processo de elaboração, implementação e fortalecimento de políticas culturais democráticas, transparentes e participativas. É gratificante estar na gestão pública, ter vivenciado fases de aprendizados, emoções, instigações, transformações, e ser corresponsável por decisões relevantes que garantiram o desenvolvimento da política cultural de Pernambuco. Avançamos sim, mas temos caminhos a percorrer, ideias e projetos para compartilhar, espaços por conquistar”, Teresa Amaral, coordenadora de Cultura Popular da Secult-PE.


“É inegável o protagonismo da mulher na formação de uma sociedade mais justa, sensível e humanizada. Está na natureza do ser feminino, e ainda que essa transformação seja tímida, a mulher já ocupa seu espaço de fala e visibilidade. No âmbito da cultura e construção das políticas culturais, o caminho não é diferente, experiências bem sucedidas estão por toda parte. Projetos bem sucedidos, através do Funcultura, são cada vez mais capitaneados por fazedoras de cultura, produtoras que abrilhantam o papel da mulher nesse universo. Recentemente a primeira candidatura à Patrimônio Vivo da Gastronomia é mulher, uma guerreira, D. Menininha do Alfenim de Agrestina. Um belo exemplo é o projeto “XepaCult”, que nos presenteia com um virtuoso mapeamento de mulheres mestras cozinheiras, oriundas de comunidades quilombolas e indígenas. A Assessoria de Gastronomia tem primado pela colocação da mulher no âmbito da cultura, através da gastronomia, uma das nossas ações estruturantes é o “Panela de Barro, Cultura no Prato”, que destaca o papel das loiceiras na produção de panelas e outros artefatos de cozinha, dando luz a esse ofício através da figura feminina e seus afetos”, Ana Cláudia Frazão, assessora de Gastronomia da Secult-PE.


“Estou na gestão pública da cultura há dez anos, e é notória a evolução e as conquistas da mulher nessa área ao longo desse tempo, seja no âmbito da discussão, como na efetiva participação nas ações da Secretaria e Fundarpe. Essa evolução está presente nas cotas para diretoras e roteiristas mulheres no Edital do Funcultura do Audiovisual, está nas ações formativas com o enfoque na mulher, na paridade na composição das comissões. Ainda há muito o que se conquistar, temos um grande desafio que é a implementação das ações afirmativas para o Edital do Funcultura da Música, mas é muito gratificante fazer parte e contribuir com esse momento de construção e mudança”, Andreza Portella, coordenadora de Música da Secult-PE.


“A cultura é um espaço privilegiado da vivência humana. Nossos modos de expressar, de viver, de sentir, de criar e de reinventar compõem a cultura e, neste sentido, os debates sobre gênero são fundamentais. Pernambuco tem buscado, ao longo dos anos, desenvolver políticas públicas objetivando a igualdade de gênero. No campo do patrimônio imaterial, área que atuo há 15 anos, vejo que há avanços nos debates e na participação das mulheres, tanto dentro das manifestações culturais quanto na gestão pública, ainda que haja um longo caminho a se percorrer na efetiva participação das mulheres, pois é fundamental destacar que não é só tratar da presença da mulher (quantitativamente), mas a qualidade desta presença (qualitativamente). Assim, entre avanços e desafios, entre lutas e resistências acredito que o poder do diálogo e de ações efetivas contribui significativamente para o empoderamento feminino na cultura e na sociedade”, Jacira Franca, coordenadora de Patrimônio Imaterial da Fundarpe.


“Em todos os campos profissionais, sociais e afetivos, ainda há invisibilidades, espaços sufocantes, desvios, buracos e escuridões em relação à participação da mulher na sociedade. Mas se nos deixarmos escutar, fluir e crescer o feminino que há em nós, ressaltará a vida, a força e as infinitas possibilidades poéticas concretas (ou não) de reexistir em qualquer lugar. Acho muito importante, enquanto mulher, estar à frente da Assessoria de Dança da Secult-PE, um espaço para construção de avanços políticos, e por isso de muita importância. Usar do que o hábito da nossa luta diária nos fez adquirir: ver de fato o outro; valorizar na sua totalidade; trazer para perto na sua inteireza, e avançar”, Maria Paula Costa Rêgo, assessora de Dança da Secult-PE.



“Eu sou escritora, cordelista, contadora de histórias, artista e estou coordenadora de literatura. Então, para mim, é uma dupla responsabilidade, pois, como mulher, eu sei das desigualdades e de todo o árduo percusso que a gente enfrenta para nos equiparar aos homens, aos escritores, aos artistas. A literatura ainda é um meio muito masculino. A gente sabe que existe ainda uma lacuna muito grande nos festivais, nos editais e nas premiações literárias. Então, é muito importante pautarmos a questão do gênero quando pensamos na formulação e implementação das políticas públicas, porque a política pública existe justamente para igualar todas essas oportunidades e o acesso das mulheres e dos homens aos editais, aos prêmios, às oficinas e a todos os mecanismos de fomento. É de suma importância que a gente ocupe espaços como esse, que é um espaço de decisão que nos permite pensar e modificar a realidade ao nosso redor”, Mariane Bigio, coordenadora de Literatura da Secult-PE.



“A oportunidade de trabalhar com a Preservação do Patrimônio Cultural deu o rumo da minha carreira profissional, para a qual me aperfeiçoei, tendo sido admitida pela Fundarpe no início das suas atividades, em 1974. Dessa forma, me incluo na geração de funcionários que iniciou, na competência do Estado, a missão da preservação da sua memória cultural, antes exercida apenas em nível federal. A lei de tombamento em Pernambuco apenas foi disciplinada em 1979, e regulamentada em 1980. Na Gerência Geral de Preservação do Patrimônio Cultural, junto aos colegas de mesma função e exercendo cargos de gerência e coordenação, estive envolvida em atividades de inventários, diagnósticos, fiscalizações, projetos de restauração e planos de preservação, que também me permitiram conhecer o rico legado histórico e cultural que possuímos. Considero que minha trajetória na participação da política da cultura pernambucana foi auxiliada por uma habilidade de relacionamento desenvolvida, uma constante persistência, e certo grau de resiliência, capacidade de superação de adversidades, que são características atribuídas à natureza feminina”, Neide Fernandes de Sousa, gestora de Patrimônio Histórico da Fundarpe.



“Acredito que estamos vivendo um momento muito interessante em relação à participação das mulheres em todos os ambientes da cultura. Venho presenciando ao longo desses últimos quatro anos, por exemplo, na minha participação como parecerista dos produtos de TV do Funcultura Audiovisual e também como membro da Comissão Deliberativa do Funcultura, a ampliação do número de mulheres atuando como diretoras, roteiristas, produtoras. E isso é uma grande conquista, um excelente retorno desta nova política cultural. Penso cada vez mais num mundo feminino, criativo e tolerante. Como a cultura é dinâmica nós, mulheres com nossas múltiplas funções, estamos conseguindo, de forma bastante positiva, dar conta do recado”, Renata Echeverria Martins, assessora do Núcleo de Comunicação e Memória da Fundarpe.



“Trabalho na área cultural há mais de 40 anos sem nunca pensar em mudar de atividade. Entrei na Fundarpe em 1976, quando ela ainda estava recém-criada e com muitos projetos em andamento. As inúmeras manifestações culturais do estado foram depois de um tempo sendo abraçadas pela Fundação, e hoje isso aparenta ser seu objetivo maior. Apaixonei-me pelo que faço e nunca senti qualquer discriminação pelo fato de ser mulher. No meio que trabalho, prevalece o respeito, a igualdade de direitos e a vontade de multiplicar-se para que todos desfrutem do nosso bem maior: a cultura do Estado de Pernambuco”, Rosa Bomfim, chefe da Unidade de Preservação da Fundarpe.

Adeildo Leite/Arte

Fonte: Secretaria de Cultura de Pernambuco

FUTEBOL OU MERCADO



Por Clovis de Barros Filho*

São Paulo - Acordei depois de quase dois anos de um sono profundo. Esse sono foi causado por um erro na administração de um sonífero para dormir. O médico me recomendou tomar um caixa com 15 comprimidos. Um por noite. Me equivoquei e tomei a caixa de uma só vez. Quando finalmente acordei, minha mulher estava ao meu lado e sorriu alegremente. Me contou o ocorrido e juntos agradecemos a Deus não ter dormido para sempre. A primeira coisa que pedi foi um café bem forte e um pão com manteiga. Ah! em seguida perguntei se o Lula ainda estava preso e ela levantando as mãos pros céus confirmou que o STF tinha lhe negado o centésimo habeas corpus. Por pouco não pedi novo sonífero para dormir. Mais bola pra frente. E o futebol como vai?Perguntei! Ah Bem! agora quem dá a bola não é mais o Santos é o mercado, Muita grana tá rolando. Tô com muita saudades das tardes futebolísticas dos domingos. A propósito hoje é domingo e tem muita bola rolando pelo Brasil afora querido. Hoje por exemplo no Morumbi jogam Coca Cola x Velho Barreiro. No Pacaembu Novalgina x Red Bul no Maracanã McDonalds x Pizza Hut e finalmente no Beira Rio Colgate x OMO. Mais querida que time são esses? É o mercado meu bem! Liga a tv os jogos já vão começar. Põe ai no jogo do Morumbi. Coca Cola x Velho Barreiro. 

Amigas e amigos do futebol as equipes já estão escaladas mais o show mesmo vem das arquibancadas completamente lotadas. Os cocacolenses não param de arrotar um minuto sequer, latinhas do refrigerante são vendidas a preço de custo ao seu fiel torcedor que se empanturra com o nobre líquido. Meu caro PVC infelizmente é uma vergonha observar o comportamento da torcida barreirense. Todos bêbados de matar de lenço numa briga generalizada entre eles. Alô meu caro Paulo aqui no Pacaembu também a torcida faz a festa. Na realidade meu caro, só uma faz a festa pois a maioria dos novalgineiros dormem profundamente na arquibancada enquanto uma minoria geme de dor. Por seu turno meu caro, os redbulenses fazem tremenda algazarra e parece não prestar atenção nem nos times que acabam de entrar em campo. Aqui meu caro Paulo no Maraca, os dois times usando de toda criatividade resolveram doar um carro zero km ao torcedor que pesar menos de 80 kg. Até o momento não apareceu nenhum ganhador e olha que o estádio está lotado. Milhares de pizzas e hamburguers são distribuídos gratuitamente pelos dois times. Segundo PVC o comentarista do mercado o jogo é equilibradíssimo, mais ainda segundo PVC a lucratividade e o controle do desperdício faz do McDonalds o favorito do jogo. Alô Brasil! aqui direto do Beira Rio creio que a torcida e a nota maior do jogo. Milhares de torcedores todos de branco representando o OMO animam a festa na arquibancada portando baldinhos com água e sabão lançando milhares de bolinhas ao ar. Um verdadeiro espetáculo. A torcida do Colgate não fica atrás não. Milhares de torcedores escovam seus dentes mostrando a força do creme dental. Oh Bem! desliga essa merda ai e me providencia outra cartela de sonífero.

*Clovis de Barros filho nasceu na Serra da Prata (Iatecá), - PE. Estudou no Colégio Diocesano de Garanhuns do Admissão ao Científico onde concluiu em 1968. Reside em São Paulo desde 1970. É Licenciado e Bacharel em Química Industrial pela Universidade de Guarulhos e Químico Industrial Superior pelas faculdades Osvaldo Cruz/SP.

REFORMA DA PREVIDÊNCIA - EDUARDO MOREIRA DESMONTA ARGUMENTOS DO GOVERNO BOLSONARO, CONFIRA NO VÍDEO!