sábado, 7 de novembro de 2020

Lula: “o mundo respira aliviado com vitória de Biden”


Alívio. Esta é a definição do ex-presidente Lula para o sentimento global com a derrota de Donald Trump e a vitória de Joe Biden na eleição dos EUA. Ele postou dois twetts pouco antes de 18h neste sábado (7).

“Neste momento tão importante em que o povo norte-americano se manifestou contra o trumpismo e tudo o que ele representa, de rejeição de valores humanos, ódio, abandono da vida e agressões contra nossa querida América Latina.

Saúdo a vitória de Biden e manifesto a esperança de que ele não só internamente, mas também em suas relações com o mundo e com a América Latina, se paute pelos valores humanistas que caracterizaram a sua campanha”.

Vitória de Biden renova expectativa de algum freio no aumento da desigualdade

Kamala Harris e Joe Biden - Foto: Angela Weiss / AFP

A vitória de Joe Biden nos Estados Unidos ajuda a renovar a expectativa de que os democratas colocarão algum freio no aumento da desigualdade, acompanhada do encolhimento da classe média, que tem marcado os últimos 40 anos no país. No período, o 1% mais rico passou a capturar o equivalente a toda a renda que antes ficava com a metade mais pobre, que viu sua participação nos rendimentos reduzida à metade, para 12,5%. Já as famílias de classe média (renda de US$ 78,5 mil ao ano) encolheram de 60% para 50%.

No mandato do democrata Barack Obama (2009-2017) houve tentativas para conter essa escalada, como programas para valorizar o emprego e a renda e a criação de um sistema de saúde pública abrangente para reduzir gastos dos mais pobres na área.

Mesmo assim, seu legado na diminuição do fosso entre ricos e pobres foi frustrante. Donald Trump venceu em 2016 falando justamente o que os mais pobres queriam: fazer a América grande novamente.

Apesar de planos já delineados em algumas áreas -sobretudo para atender alas mais incisivas do Partido Democrata-, Biden enfrentará, assim como Obama, um cenário que favorece a continuidade da concentração de renda.

Os primeiros anos de Obama foram marcados pela saída da crise financeira global de 2008, que teve seu epicentro nos EUA. O mandato de Biden começará sob as consequências da pandemia da Covid-19, que, novamente, tem nos EUA os maiores números de casos e mortes.

Há ainda grande chance de piora, já que muitos estados populosos, até aqui, foram relativamente poupados - e onde a epidemia agora ganha força. Assim como a crise de 2008, a Covid-19 obrigou os EUA a injetarem trilhões de dólares de dinheiro público na economia.

Embora o recurso tenha ajudado, há dez anos e agora, a conter demissões e o fechamento de empresas, boa parte dele "vazou" para o mercado financeiro e para a Bolsa de Valores, onde a classe média alta e os mais ricos investem.

Fonte: Folha de Pernambuco

Pleno responde consulta sobre limites para dispensa de licitação

O Pleno do TCE respondeu, na última quarta-feira (04), uma consulta formulada pela Prefeita da cidade de Petrolândia, Janielma Maria Ferreira Souza, questionando se os limites previstos na legislação para dispensa de licitação são por unidades gestoras, dotadas de autonomia orçamentária e financeira, como nos casos das Secretarias da Saúde e Desenvolvimento Social, ou único para o Município.

O relator do processo (n° 1951758-0), conselheiro Valdecir Pascoal, com base em parecer do auditor Airton Mário da Silva, do Núcleo de Auditorias Especializadas (NAE), respondeu que os tetos prescritos da Lei 8.666/93, caso a execução orçamentária seja centralizada, aplicam-se à prefeitura como um todo, incluindo órgãos e secretarias. Caso os créditos orçamentários sejam descentralizados, os tetos se aplicam para cada uma das unidades gestoras do município.

Ainda em seu voto, com base em opinativo da procuradora-geral do Ministério Público de Contas, Germana Laureano, o conselheiro explicou que a implantação de descentralização administrativa, orçamentária e financeira deve ser objeto de ato normativo específico, que indique a motivação de sua necessidade, observando os princípios constitucionais da legalidade, razoabilidade, eficiência e economicidade.

Por fim, o relator apontou que a adoção da referida descentralização, sem a observância desses preceitos, pode configurar, entre outras irregularidades, afronta à lei de licitações, levando à responsabilização de agentes públicos.

O voto foi aprovado por unanimidade pelos demais conselheiros presentes à sessão. O Ministério Público de Contas foi representado por procuradora-geral, Germana Laureano e a Auditoria Geral, pelo conselheiro substituto Adriano Cisneiros.  

Fonte: TCE-PE

Faculdade Senac inscreve para vestibular 2021.1

A Faculdade Senac Pernambuco (FacSenacPE) abriu inscrições para o vestibular 2021.1. A oferta contempla 1.200 vagas para oito cursos nos municípios do Recife, Caruaru e Petrolina. As formas de ingresso são via vestibular online, como portador de diploma, transferência externa e com nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), exames de 2014 a 2019. As inscrições, gratuitas, já podem ser realizadas, pelo site www.vestibular.faculdadesenacpe.edu.br.

No Recife, estão disponíveis todos os oito cursos do portfólio da instituição. As opções são Administração, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Design de Moda, Design de Interiores, Estética e Cosmética, Gastronomia, Gestão Comercial e Gestão de Recursos Humanos.

A novidade para 2021 é a interiorização dos cursos de Análise e Desenvolvimento de Sistemas e Gestão Comercial, que se unem a Design de Moda, Gestão de Recursos Humanos e Gastronomia em Caruaru e aos dois últimos cursos em Petrolina. A formação em ADS tem foco no desenvolvimento, definição e aplicação de estratégias para o desenvolvimento de sistemas para a sociedade e as organizações. Já o curso de Gestão Comercial é voltado para a transformação digital e para a valorização da experiência de consumo dos clientes com foco no setor de comércio de bens, serviços e turismo.

Seleção – A prova do vestibular será realizada no formato de redação. Após inscrição no site da FacSenac, os candidatos serão redirecionados à plataforma Vestibular Online, na qual poderão escrever o texto em ambiente virtual seguro. Os textos deverão obedecer ao gênero dissertativo-argumentativo. A pontuação será dada em uma escala de notas de 0 a 10. Os resultados ficarão disponíveis no site www.vestibularonline.com.br.

No caso da seleção via nota do Enem, serão aceitos os exames de 2014 a 2019. Os candidatos deverão enviar os boletins de desempenho para os e-mails constantes no edital, de acordo com a unidade na qual pretendem estudar. A seleção será realizada pelas notas, desde que sejam superiores a 300 pontos.

Já no caso dos portadores de diploma ou por transferência externa, os documentos também devem ser enviados por e-mail. A lista de documentos necessários às inscrições pode ser consultada no edital. Os resultados dos processos seletivos realizados via nota do Enem ou por diploma de Ensino Superior ou transferência serão disponibilizados no site da Faculdade Senac no prazo de 48 horas após o envio das documentações.

Santuário Mãe Rainha reabre para o público em Garanhuns


O Santuário Mãe Rainha, no bairro Severiano Moraes Filho, reabriu o templo para os fiéis em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco. O local onde fica a imagem da santa passou oito meses fechado, por causa da pandemia do coronavírus. As missas serão retomadas, seguindo as medidas de prevenção à Covid-19. As missas ocorrem apenas uma vez ao dia, às 7h.

A tenda onde a celebração ocorre tem capacidade para receber 400 pessoas, mas por causa da pandemia só estão autorizados a entrar 200 fiéis. O local passou por adequações, cada pessoa está sentando a cerca de 2 metros de distância uma da outra. Cerca de 8 mil pessoas costumavam passar pelo local durante a semana. A maior concentração de público sempre foi aos sábados e domingos. Para evitar aglomeração, as freiras pedem que as pessoas utilizem o local apenas para as preces. As peregrinações de ônibus também devem ser evitadas. 

O santuário está aberto de segunda-feira a sábado, o horário de funcionamento é das 6h30 às 17h, de segunda a sexta, no sábado fecha às 12h. Nos domingos e feriados o templo permanece fechado. Entrar na capela não está permitido, para evitar aglomeração, já que o espaço é pequeno. No entanto, é possível ficar em frente à imagem da Mãe Rainha e fazer a oração numa distância de aproximadamente 5 metros. O santuário de Santa Quitéria, localizado no povoado de Frexeiras, em São João não vai reabrir. 

Existe um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), para que o local permaneça fechado. Os administradores disseram que não tem como receber os fiéis, devido a grande quantidade de pessoas que visitam o santuário.

Fonte: Blog V & C Garanhuns

sexta-feira, 6 de novembro de 2020

A Coluna Louca de Garanhuns na Revolução de 1930

"Tiro de Guerra 45" - Outubro de 1930  - No Parque Euclides Dourado. Primeiro plano: Mário Lira, José Gaspar, Dr. Ivo Júnior, Tenente Amâncio Nunes. No segundo plano: Dr. Eurico P. Lira e Josafá Pereira

 Por Rosilda Cavalcanti

A política do café com leite foi um acordo firmado entre as oligarquias estaduais e o governo federal durante a República Velha para que os presidentes da República fossem escolhidos entre os políticos de São Paulo -  grande produtor de Café  e Minas Gerais -grande produtor de leite.

Teve início em 1898, no governo do paulista Manuel Ferraz de Campos Salles, e encerrou-se em 1930, com a chegada de Getúlio Vargas ao poder.

Em 1929 houve uma cisão estre as elites dos dois estados que acabou por levar ao fim a República Velha: Washington Luís que era um presidente paulista optou por indicar para sua sucessão um outro paulista, Júlio Prestes.

As oligarquias mineiras não gostaram e se aliaram aos gaúchos e lançaram a candidatura  do gaúcho Getúlio Vargas  à presidência e do Paraibano João Pessoa à vice-presidência.

Formaram o Partido da Aliança Liberal, em nome do qual seria feita a campanha, que ganhou ímpeto, e as caravanas liberais formadas por elementos mais jovens percorreram as principais cidades do nordeste.

Aproximaram-se as eleições e as caravanas partiam para as campanhas eleitorais. A tônica dos discursos era a critica arrasadora à plataforma de Júlio Prestes e aos atos de intolerância do Presidente Washington Luís.

Nem sempre as caravanas encontravam receptividade. Em Garanhuns, houve um tiroteio durante um comício da caravana do Deputado Federal Batista Luzardo.

Júlio Prestes venceu as eleições, mas o resultado das eleições não foi bem aceito pela  oposição. Além disso, em 26 de Julho de 1930, João Pessoa, o candidato à Vice na chapa de Getúlio Vargas, foi assassinado em uma confeitaria, no Recife, por João Dantas, um de seus adversários políticos.

A morte de João Pessoa teve grande ressonância e  foi explorada politicamente. Estes acontecimentos desencadearam a Revolução de 1930, que estourou em 4 de Outubro.

O Comando geral do movimento ficou a cargo do general Góes Monteiro nascido em Alagoas, mas com uma carreira militar ligada ao Rio Grande do Sul onde firmou amizade com Getúlio Vargas.

No Nordeste, o movimento foi desfechado sob o comando de Juarez Távora. O centro das operações foi a Paraíba.

Em  Pernambuco, o povo ocupou prédios federais e um depósito de armas, além disso os ferroviários da Great Western entraram em greve. Temeroso, o governador Estácio Coimbra, aliado do presidente Washington Luís , fugiu num rebocador,  para Barreiros.  No Rio Grande do Sul, em Minas, na Paraíba era o governo e a tropa que agiam, embora secundados por elementos civis. Em Pernambuco, o povo quase que por si só, com três ou quatro oficiais destemidos,  fez  a revolução.

As caravanas liberais se uniram às colunas tenentistas, uma espécie de desfile militar que os oficiais do exercito faziam por todo o país propagando a necessidade de reformas políticas e sociais. Em geral, o povo se colocava em oposição ou indiferente ao movimento, mas durante a revolução de trinta, os  liberais se associaram transitoriamente ao tenentismo, formando os tenentes civis.

A COLUNA LOUCA DE GARANHUNS

Em Garanhuns, o Tenente Amâncio Nunes, do Tiro de Guerra 45, convocou seus atiradores e formou-se uma coluna de voluntários, sob o nome de Coluna Louca. As inscrições se faziam no paço municipal, na rua Santo Antônio, sede do Governo revolucionário.

Mario Sarmento Pereira de Lira , um alagoano que chegou ainda jovem a Garanhuns, foi o líder revolucionário, ao lado de Fausto Lemos, José Gaspar da Silva, Mário Matos, Eurico Pontes de Lira, Reynaldo Alves, Josafá Pereira, João Tude de Melo e muitos outros que foram aderindo e se tornando os chamados autênticos, ou seja Revolucionários da 1ª hora.

O deputado Souto Filho, chefe político local, aliado do Governador Estácio Coimbra, e o Prefeito Euclides Dourado ao saberem  que o governador abandonara o palácio resolveram  entregar o governo municipal de Garanhuns aos revolucionários representados por uma junta governativa composta por Mário Lira, Fausto Lemos e José Gaspar da Silva.

A Coluna foi crescendo e todas as noites na Praça João Pessoa aconteciam comícios  com discursos inflamados de Reynaldo Lins, Uzzae Canuto, Josemir Correia e de outros revolucionários. Tudo, ao som dos hinos de João Pessoa e da Aliança Liberal com a música do frevo do Clube Vassourinhas.

Toda essa agitação e também a chegada da Coluna liderada por Juracy Magalhães, tenente do exército nomeado interventor na Bahia por Getúlio Vargas,  fez de Garanhuns o eixo central dos Revolucionários que demandavam por via terrestre ao Rio de Janeiro.

Juarez Távora, chefe Nacional da Revolução no Norte do Brasil, comissionava Mario Lira no posto de Capitão da Revolução. E Lima Cavalcanti, interventor federal da Revolução em Pernambuco, nomeou   Mário Lira interventor em Garanhuns.

Mário Lira conduziu a Coluna Louca até Alagoas, mas o governador Álvaro Paes, ao saber das notícias que as colunas de revoltosos avançavam para o território alagoano,  fugiu rumo ao sul do país, antes mesmo da chegada dos revoltosos a Maceió, não se sabe ao certo se, numa barcaça ou num iate, mas, do mesmo modo que o governador pernambucano. Vago o cargo de governador de Alagoas, o Governo Federal ocupou-o com a indicação de interventores.

Os revolucionários de 1930 tinham como objetivo comum impedir a posse de Júlio Prestes e derrubar o governo de Washington Luís. Além disso, havia os que queriam reformular o sistema político vigente, os tenentes que queriam reformas sociais e a centralização do poder, e também havia uma ala dissidente da velha oligarquia, que viu no movimento revolucionário um meio de aumentar seu poder pessoal.

Sob pressão das forças revolucionárias, o poder foi transmitido a Getúlio Vargas. Em 3 de novembro chegava ao fim a Primeira República e começava um novo período da história política brasileira, com Getúlio Vargas à frente do Governo Provisório. Era o início da Era Vargas

Fonte: Blog Terra do Magano

quinta-feira, 5 de novembro de 2020

Adagro autoriza retorno de feiras agropecuárias em Pernambuco


A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA), definiu uma série de protocolos para garantir a retomada das feiras agropecuárias no interior do Estado. Seguindo as diretrizes da portaria nº 017, a Adagro já liberou as atividades nos municípios de Cachoeirinha, Surubim, Águas Belas, São Bento do Una, São João, Caruaru, Capoeiras, Limoeiro, Buíque, Ouricuri e Tabira.

Para solicitar a liberação de funcionamento é necessário enviar requerimento com antecedência mínima de 30 dias para a Adagro, pagar as taxas e licenças próprias, garantir que o evento tenha um médico veterinário como responsável técnico, além de assegurar o acesso à internet para emissão remota das guias de trânsito animal  (GTAs), garantindo o distanciamento social.

“A solicitação deve ser encaminhada pela entidade promotora, quer seja a prefeitura municipal ou iniciativa privada. Após a análise do requerimento e os demais documentos, a Adagro fará uma vistoria que definirá a retomada ou as medidas corretivas”, detalhou a gerente Estadual de Defesa Animal da Adagro, Samy Bianchini, pontuando que a reabertura está condicionada à situação controlada para a Covid-19 e ao cumprimento das normas do protocolo de saúde.

“Pernambuco possuía 23 feiras agropecuárias antes da pandemia. Deste total, nove estão funcionando com as devidas adequações e não há novos pedidos de liberação em andamento”, revelou o Diretor de Defesa e Inspeção Animal da Adagro, Fernando Góes. 

Consulte a situação de seu título de eleitor e seu local de votação


O primeiro turno das eleições municipais acontece no dia 15 de novembro e muitos eleitores tiveram seus locais de votação alterados pelos tribunais regionais eleitorais. Portanto, além das mudanças no calendário eleitoral, alguns eleitores terão de votar em outro local. Por isso, os TREs têm recomendado que, antes de sair de casa para votar, os eleitores consultem onde está instalada sua seção eleitoral. A busca pode ser feita na ferramenta disponível no link abaixo:

Acesse aqui a ferramenta de consulta do local de votação.

PGE BA abre processo seletivo com 32 vagas

A Procuradoria Geral do Estado da Bahia (PGE BA) está realizando novo processo seletivo simplificado para a contratação de 32 Analistas de Procuradoria. As admissões serão subordinadas ao Regime Especial de Direito Administrativo (REDA).

A área de atuação dos servidores REDA será Apoio Jurídico. Para concorrer a uma das vagas, será necessário comprovar a formação em Direito (bacharelado).

De acordo com o edital 001/2020, a lotação dos selecionados será na capital, Salvador. O procedimento adotado para fazer o recrutamento é a análise dos currículos dos inscritos.

A remuneração será composta pela soma do vencimento básico (R$ 2.000,55) com a GEAP (gratificação especial de apoio à Procuradoria), o que dá um total de R$ 4.201,15 mensais.

Se você estiver interessado em concorrer às vagas e preenche todos os requisitos, acesse o site de seleções do estado das 10h do dia 09 de novembro às 23h59 do dia 13 de novembro de 2020.

Fonte: Concursos no Brasil

Pernambuco anuncia quatro novas escolas técnicas, uma delas focada em arte e cultura

Em mais uma demonstração de compromisso com a educação de Pernambuco, o governador Paulo Câmara anunciou, na tarde desta quarta-feira (4), em solenidade transmitida ao vivo pela internet, quatro novas Escolas Técnicas Estaduais (ETEs), atingindo um marco importante na rede estadual de ensino, que passa a contar com 50 unidades espalhadas em todas as regiões. Com o reforço, mais de 8,4 mil vagas em cursos técnicos estarão com inscrições abertas a partir desta quinta-feira (5) até o próximo dia 16 de novembro (segunda-feira).

De acordo com Paulo Câmara, a estratégia cria oportunidades para que todos os jovens pernambucanos tenham acesso a um curso técnico profissional, garantindo um diferencial no futuro. “Para termos ideia da dimensão desse número, em 2006 eram apenas seis escolas técnicas em funcionamento. No final de 2014, já tínhamos 27 delas, e agora, temos 50 unidades funcionando em todo o território pernambucano. Isso mostra claramente a priorização do ensino técnico, da mesma forma como já há uma priorização no ensino médio, justamente na busca de que nossos jovens tenham condições de se formar e alcançar seus sonhos”, pontuou o governador, que esteve acompanhado do deputado federal Danilo Cabral.

A nova ETE Professor Alfredo Freyre, em Água Fria, na Zona Norte do Recife, será a primeira Escola Técnica de Arte e Cultura da Rede Estadual, oferecendo aos estudantes os cursos de teatro e de artes visuais. Na área da imagem e som, a ETE Nelson Barbalho, no bairro Maurício de Nassau, em Caruaru, vai oferecer pela primeira vez na rede estadual os cursos de produção de áudio e vídeo e rádio, TV e internet. Esses dois projetos buscam fortalecer a vocação para o segmento da economia criativa.

A criação de uma ETE com vocação para a área da cultura era um compromisso do Governo do Estado e permitirá uma importante parceria com a Secretaria de Cultura. “Tenho certeza de que essa escola terá um impacto extremamente rico na qualificação desses jovens estudantes e futuros profissionais da área, que precisa ser valorizada desde o berço. Essa iniciativa é muito mais do que louvável para que a gente possa fortalecer a profissionalização desses quadros”, afirmou o secretário da pasta, Gilberto Freyre Neto.

OUTRAS UNIDADES - Uma das novas unidades, a ETE Chico Science, será implantada no bairro de Rio Doce, no município de Olinda, tendo como foco principal a área de saúde. Além de nutrição e dietética, a escola vai ofertar, pela primeira vez na Rede Estadual, o curso técnico de farmácia. As obras do prédio estão sendo finalizadas para que a instituição possa receber os estudantes a partir do início do ano que vem. Já as Escolas de Referência em Ensino Médio (EREMs) Ginásio Pernambucano, na Avenida Cruz Cabugá, e Professor Alfredo Freyre, ambas no Recife; e Nelson Barbalho, em Caruaru, no Agreste Central, estão sendo transformadas em ETEs.

Localizada no bairro de Santo Amaro, próxima ao Porto Digital, no centro do Recife, a nova ETE Ginásio Pernambucano vai dialogar com o contexto tecnológico das empresas locais através da oferta do curso técnico em desenvolvimento de sistemas, na área de tecnologia da informação. O foco será formar profissionais para atender a demanda crescente desse importante polo tecnológico.

“Esse ano são quatro novas unidades, o que significa mais oportunidades. Temos novos cursos que estão sendo apresentados, criando novas opções para os estudantes. Inclusive, é muito interessante a gente perceber que são escolas com perfis diferentes e com vocações diferenciadas para oferecer um leque ainda maior para os nossos jovens”, comemorou o secretário de Educação e Esportes, Fred Amâncio.

NOVOS CURSOS - Na perspectiva de ampliar as oportunidades de inserção produtiva no mundo do trabalho, outra novidade anunciada para 2021 foi a oferta do curso de eletrotécnica pela ETE Célia de Souza Leão Arraes, em Bonito, no Agreste Central, como forma de gerar mão de obra para atender a demanda da região, fortemente estimulada pela chegada da Yazaki, multinacional japonesa com fábrica em construção no município.

Por sua vez, a ETE Pedro Muniz Falcão, em Araripina, no Sertão do Araripe, passará a ofertar o curso de Sistemas de Energias Renováveis, em alta devido a grandes projetos já implantados ou em desenvolvimento na região. A implantação deste novo curso foi desenvolvido em parceria com a Votorantim Energia e com a Itaú -  Educação e Trabalho.

INSCRIÇÕES - Estão sendo ofertadas 8.445 vagas para 26 cursos técnicos em 37 municípios. Podem participar candidatos que terão concluído o ensino fundamental até janeiro de 2021. As inscrições devem ser feitas entre 5 e 16 de novembro exclusivamente no site www.educacao.pe.gov.br de forma gratuita. As provas serão aplicadas remotamente entre os dias 17 e 27 de novembro, conforme agendamento feito pelo estudante no ato da inscrição.

Givaldo Calado lembra o histórico de traições de Silvino Duarte


Em matéria assinada por Wagner Marques, no site Garanhuns Notícias, o empresário, ex-vereador e ex-secretário de Cultura do município, Givaldo Calado, fez sérios questionamentos ao médico Silvino Duarte.

Ele disse que o ex-prefeito sempre foi submisso aos governos estaduais, nunca se impôs como autoridade maior em Garanhuns e sua marca maior como político é de traidor.

Esse é o primeiro grande questionamento feito ao candidato do PTB na atual campanha, que posa de bom moço quando foi chamado de “ficha suja” pelo candidato a vereador Gênio Ventura se revelou chocado.

Mas não são poucas as pessoas insatisfeitas com Silvino, que se sentem traídas por ele.

Era aliado de Ivo Amaral e em 1996 deixou o companheiro de partido, se filiou ao PSB e com forte apoio do prefeito da época, Bartolomeu Quidute, e do governador Miguel Arraes, venceu sua primeira disputa para o Palácio Celso Galvão.

Tão logo venceu a disputa rompeu com Bartolomeu.

Quando Arraes perdeu a eleição para Jarbas, Silvino deixou o PSB que lhe garantiu o mandato e se filiou ao PMDB para ficar ao lado do novo governante.

Na prefeitura, brigou com o vice Márcio Quirino, em 2004, ao encerrar seu mandato, elegeu Luiz Carlos, mas pouco tempo depois que o novo prefeito assumiu já estava rompido com Silvino.

Quem conhece a trajetória do candidato do PTB desde que chegou em Garanhuns, vindo da Paraíba, atesta que foi o médico José Tinoco que lhe deu a mão, permitindo que ele crescesse no município como médico e político.

Mas Tinoco e os filhos estão afastados de Silvino Duarte. Ele também teria sido ingrato com quem o ajudou no início da carreira.

Por tudo isso é que Givaldo Calado subiu o tom das críticas, defendeu um “raio X” do candidato do PTB e afirmou que a marca do petebista é a traição.

A previsão de Givaldo é que Silvino, caso eleito, irá trair Izaías e seu vice, Haroldo Vicente.

Esta semana, antes dessas criticas do empresário, Dr. Silvino gravou um vídeo em que considera sua campanha vitoriosa, pela receptividade nas ruas e atribuiu os ataques que tem recebido dos adversários ao desespero. “Eles não têm propostas e por isso me atacam”, disse o petebista.

Fonte: Blog do Roberto Almeida

quarta-feira, 4 de novembro de 2020

Caruaru receberá Senac Barber Fight em novembro

Caruaru receberá, pela primeira vez, o Senac Barber Fight, uma batalha de barbeiros que contará com a presença de profissionais do mercado, alunos e ex-alunos da instituição como competidores. O evento será realizado nos dias 8 e 9 de novembro, no Espaço de Eventos (5º piso) do Shopping Difusora. A ação faz parte da programação do Encontro da Beleza, organizado pela Associação Comercial e Empresarial de Caruaru (Acic).

A competição será dividida em três categorias. Na categoria Revelação Senac, haverá apresentações dos alunos, que terão o desafio de executar cortes de cabelo com temática livre. Na Categoria Cases de Sucesso, ex-alunos do Senac terão que realizar um Mid Fade, um tipo de corte de cabelo masculino, com finalização livre. A terceira e última categoria é voltada para barbeiros profissionais de Caruaru e Região, que terão como desafio realizar um Skin Fade + Pompadour, corte masculino com degradê e topete.

Cada participante deve levar seu modelo, o material de trabalho e EPIs para o dia do desafio. A disputa só acontecerá com participação de seis barbeiros por vez. A avaliação e pontuação dos jurados serão feitas levando-se em conta a adequação do biotipo do modelo, disfarce perfeito sem linha, finalização e criatividade do trabalho. Cada modelo passará por uma comissão julgadora antes do início do trabalho. As performances serão julgadas por três profissionais com reconhecido trabalho na área, seja com barbeiro ou  como instrutor de cursos de Barbeiro.

Todos os participantes receberão certificados de participação e os primeiros lugares das categorias de mid fade e skin fade + pompadour receberão kits de produtos de barbearia.

O Senac Caruaru participará da Feira da Beleza a convite da Acic. A coordenadora dos cursos de Beleza do Senac em Caruaru, Adenilza Oliveira, destaca a importância do evento como vitrine para os participantes. “Realizaremos um evento competitivo que está alinhado com as atuais propostas desses profissionais que utilizam esse espaço para mostrar seu trabalho”, reforça. O objetivo é incentivar a participação dos alunos em eventos que dão visibilidade no mercado de trabalho e de colaborar com ações direcionadas ao crescimento do segmento da beleza na região.

Inscrições - Os interessados em participar da competição devem fazer a inscrição preenchendo o formulário no link https://forms.gle/tcDmBHyVzHRfcz8JA.

SERVIÇO

Senac Barber Fight - Batalha de Barbeiros

Local: 5º Piso do Shopping Difusora

Inscrição: https://forms.gle/tcDmBHyVzHRfcz8JA

Revelação Senac: Apresentações dos Alunos em Processo

Dia 08/11/2020

Hora: das 14h às 15h

Dia 09/11/2020

Hora: das 14h às 15h

Senac  Barber Fight :Cases de Sucesso: Alunos Egressos

Dia 08/11/2020

Hora: das 18h30 às 19h30

Dia 09/11/2020

Hora: das 17h às 18h

Senac Barber Fight: Aberto aos profissionais da cidade e região

Dia 08/11/2020

Hora: das 17h às 18h

Mais informações: (81) 3727-8253

Sesc Dramaturgias abre inscrições para formação cênica

Estão abertas as inscrições para oficinas teatrais do programa nacional Sesc Dramaturgias. As primeiras atividades se iniciam na próxima segunda-feira, dia 9/11.

O Sesc Dramaturgias traz neste mês nova agenda de ações formativas para as artes cênicas. São dez atividades, que abordarão a linguagem em uma programação com aulas virtuais.  As inscrições estão abertas e podem ser realizadas pelo https://cursos.sescpe.com.br/todos.

São aproximadamente 200 vagas ao todo, e voltadas para atores e atrizes, dramaturgos, bailarinos, estudantes e profissionais de artes cênicas. As oficinas são “Do teatro que conhecíamos ao teatro possível”, “Leitura dramatizada”, “Teatro com crianças e adolescentes a partir de Brecht”, “Práticas de encantamento da matéria”, “Palavra presença”, “Negro olhar”, “Criação de imagem em dança”, “Exercícios de dramaturgia”, “Jogo do teatro on-line”, “Diálogos de produção cultural” e “Dramaturgia na palhaçaria”.

Sivaldo acha que Garanhuns não cresce porque o modelo de gestão é o mesmo


Em depoimento nesta quarta-feira pela manhã, no programa de rádio da Frente Popular, o deputado Sivaldo Albino (PSB), definiu que o principal problema de Garanhuns, que impede o município de se desenvolver, é o modelo de gestão adotado.

Na avaliação do parlamentar, os três últimos governos seguiram o mesmo padrão, fazendo pavimentações, criando alguns eventos, sem se preocupar tanto com setores básicos como educação, saúde e obras estruturadores que possibilitem que a cidade se desenvolva mais.

Sivaldo defendeu um novo modelo, com aproveitamento do potencial de Garanhuns para a cultura e o turismo. Ele disse que é preciso ampliar os eventos atuais, como o Festival de Inverno.

O principal evento da Suíça Pernambucana, de acordo com o socialista, pode ser ampliado para 30 dias, de modo a movimentar a economia local por mais tempo.

Oposicionista também prega mais investimentos na área de saúde e se compromete a construir um hospital municipal.

Ele disse que os adversários estão prometendo o mesmo, mas lhes falta credibilidade, porque governam o município há 24 anos e nunca realizaram a obra, tão importante para a cidade.

Fonte: Blog do Roberto Almeida

A FAZENDA DA VÁRZEA

Octávio Rêgo, no centro. À esquerda - Dário Rêgo (filho) e os bisnetos - Maria da Penha, João
Jerônimo; à direita - Zózima S. Rêgo (nora) e os bisnetos: Cecília, Estela. Na 1ª fila - Alba Luci
- Dário das Neves, Mário Fernando, Álvaro Eduardo, Aloísio Fernando Octávio
(1950)
Garanhuns teve na Fazenda da Várzea um dos principais polos de desenvolvimento urbano. No decorrer desses anos, os pesquisadores argutos ainda poderão notar que Octávio Alves da Silva Rêgo, o coronel Bimbe Tororó, foi, em grande parte, o impulsionador desse progresso, que liga o passado ao presente da nossa terra.

Em 1918, final da I Grande Guerra, o major Antônio Alves Pedrosa, recém chegado de São Vicente, então jurisdicionario ao município de Bom Jardim, adquiriu do coronel Bimbe Tororó, pela vultuosa importância de dezoito contos de réis, a Fazenda da Várzea, e lá construiu o imponente solar que foi a residência de sua tradicional família, durante muitos anos. Defronte do solar o major Pedrosa mandou construir uma pequena rua de casas de alvenaria, onde se instalaram alguns de seus administradores rurais, dentre eles, Melquisedeck Alves Pedrosa, seu sobrinho e compadre do meu pai.

Com o produto da venda da Fazenda  da Várzea ao major Pedrosa, o coronel Bimbe Tororó construiu mais de cinco dezenas de casas, em Garanhuns, sendo seis  na rua do Recife, à época uma das principais da cidade. Essa mesma rua do Recife onde o filho, jornalista Dario Rêgo, antigo e fiel amigo de Souto Filho, residiu e instalou a Tipografia Moderna, que editou os seus dois jornais, em épocas alternadas: Diário de Garanhuns, posteriormente Garanhuns Diário, com tantos e relevantes serviços prestados ao município e à região.

Antes de editar os dois jornais de sua propriedade, Dario Rêgo trabalhou com Souto Filho na edição de O Sertão, de propriedade do ilustre chefe político que, mais tarde, vendeu à Diocese as máquinas e oficinas gráficas que vieram a editar, em 1931, o jornal O Monitor.

Para os leitores mais jovens eu diria que o coronel Bimbe Tororó e o major Antônio Pedrosa, a partir da Fazenda da Várzea, foram grandes impulsionadores do progresso de Garanhuns.

O coronel Bimbe Tororó (que foi casado com Dona Cecília dos Martírios Cardeal de Azevedo, descendente direta da Matriarca de Garanhuns, Simôa Gomes de Azevedo), e de Dario Rêgo, jornalista pioneiro da imprensa pernambucana no interior.

Rinaldo Souto Maior / Jornalista e historiador / São Paulo, 23 de Maio de 1987

terça-feira, 3 de novembro de 2020

SAD REALIZA O 1º LEILÃO DE BENS MÓVEIS DESTE ANO

A Secretaria de Administração do Estado (SAD) realiza nesta quinta-feira (05), a partir das 9h, o primeiro leilão de bens móveis deste ano. Tratam-se de bens pertencentes ao patrimônio do Estado. Estão disponíveis 90 lotes para compras, tanto para pessoas físicas quanto jurídicas. Neles, estão incluídos veículos de diversas marcas, sucatas de automóveis, materiais diversos, tais como cadeiras, escada rolante, centrífuga, estufa, freezer, fogão, entre outros itens. A SAD espera arrecadar, no mínimo, R$ 157.600,00 neste pregão, que será realizado na modalidade on-line, por meio do endereço eletrônico www.lancecertoleioes.com.br.

Podem participar e ofertar lances pessoas físicas, acima de 18 anos, desde que apresentem CPF, RG e comprovante de residência. Pessoas jurídicas deverão apresentar o CNPJ, com representante munido de procuração e com os mesmos documentos citados acima. Os arrematantes deverão acessar o site oficial do leiloeiro: www.lancecertoleiloes.com.br e realizar o seu cadastro, no prazo de 48 horas antes da realização do leilão. Para isso, o interessado deverá clicar no banner do leilão da SAD e aceitar todas as regras contidas no Termo de Uso e Condições Gerais para Participação de Leilões on-line.

Vale ressaltar que o edital do certame poderá ser acessado por meio do site da SAD: www.sad.pe.gov.br. Quem se interessar poderá vistoriar os bens listados para alienação nos endereços constantes no edital até esta quarta-feira (04).

CURSO GRATUITO SOBRE ACESSIBILIDADE NAS EXPOSIÇÕES DE ARTE TEM INSCRIÇÕES ABERTAS

Depois de sete meses fechados por conta da pandemia de Covid-19, os espaços culturais estão, aos poucos, reabrindo. Uma das reflexões maturadas pelos produtores e gestores do segmento da cultura ao longo desse tempo trata dos cuidados que seriam necessários para voltar a receber o público. Mas, para além das medidas sanitárias, uma necessidade urgente, que ainda não é realidade em grande parte dos equipamentos culturais, diz respeito à questão da acessibilidade.

Tendo em vista a mudança nesse cenário, a produtora cultural Arkhé vai promover a segunda edição do curso gratuito Exposições Acessíveis para Pessoas com Deficiência em duas cidades: Garanhuns, no Agreste, e Arcoverde, no Sertão pernambucano. Em 2021, o curso, que tem o apoio do Funcultura, está previsto para acontecer também em Goiana, na Região Metropolitana do Recife, e em Palmares, na Zona da Mata.

Serão disponibilizadas 20 vagas em cada cidade, destinadas a pessoas que já trabalham na área de artes visuais, como curadores, gestores de instituições culturais, museólogos, produtores culturais, arte-educadores e técnicos das áreas de expografia, além de estudantes de áreas afins. As inscrições vão até 20 de novembro apenas pelo site www.arkhecultural.com.br.

As aulas em Garanhuns serão no Sesc, entre os dias 30 de novembro e 4 de dezembro, em dois turnos, das 8h às 12h e das 13h às 17h. Em Arcoverde, o curso vai de 7 a 11 de dezembro, no Sesc, também das 8h às 12h e das 13h às 17h.

Três formadores serão responsáveis por conduzir o curso: Fernanda Araújo, psicóloga, Doutora em Educação pela UFPE, com pesquisas na área de Educação Inclusiva; Artur Mendonça, especialista em acessibilidade e inclusão de pessoas com deficiência; e Everson Melquíades, pedagogo, Doutor em Educação e professor da UFPE.

Segundo o Censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) de 2010, 23,9% da população brasileira possui algum tipo de deficiência. Melhorar o acesso à cultura, aos museus e às suas coleções para as pessoas com deficiência constitui objetivo essencial do curso. Durante as 40 horas, serão abordados conteúdos que vão desde a legislação de referência na área, os processos de inclusão social nos museus e instituições culturais, os diversos tipos de acessibilidade, os dispositivos utilizados, como aplicativos, legendas, maquetes táteis, até a mediação sociocultural das pessoas com deficiência.

De acordo com o professor Artur Mendonça, um dos objetivos é desmistificar as supostas dificuldades, principalmente relacionadas aos custos financeiros, para possibilitar a acessibilidade dos produtos culturais. “A tecnologia facilitou bastante a vida das pessoas com deficiência, hoje temos muitos recursos disponíveis, mas é preciso que o produtor cultural esteja disposto a pensar nisso desde a concepção do projeto da exposição. O preço da exclusão é muito maior”, defende.

A primeira edição do curso Exposições Acessíveis para Pessoas com Deficiência foi realizada nas cidades do Recife, Caruaru, Nazaré da Mata e Triunfo. 64 profissionais que já atuam ou que deverão trabalhar em museus, principalmente arquitetos, museólogos, conservadores e restauradores, concluíram essa etapa do programa.

ELEIÇÕES 2020 - TCE INTENSIFICA FISCALIZAÇÃO NOS MUNICÍPIOS

Faltando menos de 15 dias para a realização do primeiro turno das eleições municipais, previstas para acontecer no dia 15 de novembro, as equipes de fiscalização do Tribunal de Contas do Estado reforçaram as atividades da Operação Eleições 2020, que tem como objetivo intensificar as auditorias nas prefeituras e Câmaras Municipais de Pernambuco.

O trabalho, feito pelas equipes das Inspetorias Regionais e do Departamento de Controle Municipal do TCE, vai analisar o cumprimento, por parte dos gestores, das vedações impostas aos agentes públicos pela Lei das Eleições (nº 9.504, de 30 de setembro de 1997), no período que antecede o pleito eleitoral. Entre as proibições, estão a realização de despesas com publicidade (que não podem exceder a média dos gastos nos três últimos anos) e a distribuição gratuita de bens, valores ou benefícios por parte da Administração Pública, exceto nos casos previstos na Lei.

“Neste aspecto, serão analisados os gastos liquidados com publicidade institucional realizada até 15 de agosto de 2020 que excederam a média dos gastos dos 2 primeiros quadrimestres dos 3 últimos anos (média dos anos de 2017, 2018 e 2019), salvo em caso de grave e urgente necessidade pública, assim reconhecida pela Justiça Eleitoral”, afirmou a coordenadora de Controle Externo do TCE, Adriana Arantes, responsável pelas equipes que atuarão na Operação Eleições. 

Outro ponto que será objeto de análise é a proibição aos agentes públicos, servidores ou não, de autorizar publicidade institucional dos atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos federais, estaduais ou municipais, ou das respectivas entidades da administração indireta, no segundo semestre de 2020, salvo aquelas destinadas ao enfrentamento à pandemia da Covid-19 e à orientação da população quanto a serviços públicos e a outros temas afetados pela pandemia.

A fiscalização do Tribunal de Contas também vai monitorar as despesas com políticas assistencialistas, tendo em vista a proibição pela legislação eleitoral de distribuição gratuita de bens, valores ou benefícios por parte da Administração Pública, bem como o uso promocional em favor de candidato, partido político ou coligação. A lei só permite a doação em casos de calamidade pública, de estado de emergência ou de programas sociais autorizados em lei e já em execução orçamentária no exercício anterior. 

“Faremos um trabalho ostensivo, com a presença do auditor do Tribunal de Contas nos municípios, nas prefeituras e Câmaras. Desta forma, por meio da fiscalização e orientação, em conjunto com os demais parceiros do controle externo, o TCE contribuirá para a obtenção de resultados conclusivos sobre o uso de recursos públicos durante o processo eletivo”, afirmou o presidente Dirceu Rodolfo de Melo Júnior.

As equipes técnicas também vão verificar as ações implementadas pelo Poder Público Municipal para garantir o retorno seguro dos alunos às aulas presenciais, baseadas no protocolo estabelecido pela Secretaria Estadual de Saúde. Além da visita aos municípios, serão feitas entrevistas com os gestores para identificar as adequações dos contratos de apoio, a exemplo de merenda, transporte escolar, aquisição de materiais e equipamentos para higienização e equipamentos de proteção individual, necessários ao retorno das atividades presenciais, bem como esclarecimentos a respeito de aspectos pedagógicos e de logística do retorno. 

CÂMARAS MUNICIPAIS – As despesas orçamentárias das Câmaras Municipais também está no foco da Operação Eleição, com destaque para os gastos com eventos, a composição do quadro de pessoal (relação cargos em comissão em relação a cargos efetivos), a concessão de diárias com cunhos remuneratório, a utilização de patrimônio público com fins eleitoreiros, e ocorrência das denominadas “rachadinhas”, que são o repasse por parte de um servidor público ou prestador de serviços da administração, de parte de sua remuneração a políticos e assessores.  

No caso de serem constatadas irregularidades, o Tribunal poderá adotar ações de prevenção de danos e punitivas, conforme decisão do conselheiro relator, a exemplo de medidas cautelares, devolução de valores aos cofres públicos e aplicação de multas. Além disso, os resultados da fiscalização poderão ser compartilhados com os órgãos de controle parceiros, como a Justiça Eleitoral, o Ministério Público Eleitoral, o Ministério Público de Contas, o Ministério Público do Estado e a Polícia Civil do Estado, dentre outros, para que estes avaliem a necessidade da adoção de outras medidas dentro de suas competências. 

CONTAS IRREGULARES - Como forma de contribuir para o controle social e a escolha consciente dos candidatos nas próximas eleições, o TCE disponibilizou ao público uma ferramenta que permite acesso às informações de processos dos gestores públicos que tiveram contas rejeitadas ou julgadas irregulares nos últimos oito anos. Os interessados podem consultar as irregularidades da gestão, identificadas pelas equipes de auditoria, e a decisão do Pleno e das Câmaras julgadoras sobre cada processo. No campo de busca, é possível fazer a consulta pelo nome do gestor, município ou unidade gestora, do Estado ou município.

A VOZ DO SILÊNCIO

Onilza Braga / Agosto de 1996

O silêncio do tudo

O silêncio do nada

O silêncio embaraçoso que nada diz

E nos inquieta e angustia

O silêncio de quem nada mais tem para dizer

O silêncio vazio, no qual nem o eco do passado ressoa

O silêncio frio

Desenvolvido

Despido

O silêncio do nada

O silêncio

No qual rebuscamos nossos cérebros

À procura de palavras de quaisquer origens

Que nos definam a plenitude que sentimos

O êxtase

O prazer de ser 

A harmonia do completo

A essência

O valor da quietude

E não encontramos palavra alguma em nosso

pequenino e limitado mundo onde só as coisas simples

têm códigos e fórmulas e símbolos e palavras que as expliquem

Então descobrimos que em vão procuramos definir

O Superior

O Pleno

CONCURSO PREFEITURA DO CRATO - CE ABRE 1.548 VAGAS


Foram divulgadas alterações no número de vagas do concurso Prefeitura do Crato, no Ceará. O edital de nº 01/2020 que abre oportunidades para profissionais de níveis médio, técnico e superior, passa pela sua primeira alteração após a publicação.

Do edital foi excluído o cargo de Comunicador Social, além da redução no número de vagas em outros cargos, demais cargos e etapas do concurso seguem sem quaisquer alterações. 

A seleção, está sendo organizada sob responsabilidade da Universidade Regional do Cariri - URCA, objetiva a contratação de até 1.548 novos profissionais, dos quais 387 imediatos e 1.161 cadastros reserva. 

Os interessados no concurso Prefeitura do Crato devem realizar suas inscrições, exclusivamente via internet, no período previsto das 08h do dia 03 de novembro até às 23h:59 do dia 18 de dezembro de 2020.

Para isso, é preciso acessar a página do concurso público e preencher o requerimento eletrônico de inscrição, indicar o código de opção do cargo para o qual concorrerá e confirmar os dados solicitados.

Para confirmar sua participação, o candidato deverá efetuar o pagamento de uma taxa de inscrição no valor de:

Cargos de nível médio: R$ 100,00 e cargos de nível superior: R$ 150,00.

Fonte: Concursos no Brasil

CENÁRIOS DE PERNAMBUCO

Ipê Amarelo ou Caraibeira - Sítio Aguazinha - Iati, PE
Foto: Anchieta Gueiros

Senac Pernambuco inscreve até dia 4 para cursos gratuitos

Com o compromisso de apoiar a retomada econômica por meio da capacitação profissional, o Senac Pernambuco segue com inscrições abertas para cursos de qualificação e aperfeiçoamento dentro do Programa Senac de Gratuidade (PSG). São 417 vagas abertas em 14 municípios do estado, nas áreas de Gestão, Comércio, Idiomas, Gastronomia, Saúde, Tecnologia e Beleza. As inscrições vão até a quarta-feira (4) e podem ser realizadas pelo site www.pe.senac.br.

Gravatá, Bezerros, Caruaru, Surubim, Garanhuns, Arcoverde, Serra Talhada, Petrolina, Dormentes, Recife, Itapissuma, Sirinhaém e Vitória de Santo Antão são os municípios com vagas abertas. As aulas serão realizadas nas modalidades presencial ou flexível, que tem aulas presenciais mescladas com encontros remotos. Nos cursos presenciais, é necessário que o aluno resida próximo ao município de realização da programação.

Entre os pré-requisitos, a renda máxima familiar do interessado deve ser de, no máximo, dois salários mínimos per capita (por pessoa). Cada curso também conta com pré-requisitos específicos, que devem ser observados no edital, disponível no link www.pe.senac.br/psg/#/consulta-de-vagas. Nos cursos de aperfeiçoamento, é necessário que o interessado comprove experiência na área de atuação, por meio de certificado de curso, cópia da carteira de trabalho ou declaração do empregador.

Vinagre em retalho

José Maria é primo legítimo. Filho de uma das irmãs de minha genitora, ambas já falecidas. Garoto travesso, insubordinado, que meu pai teimava em não permitir que eu  brincasse com ele. Mas, há sempre meios de fuga de uma represália; sempre achava aquele famoso jeitinho de encontrar-me com o "Zé', sem que meu pai desse por conta do ocorrido. Dessas saidinhas descartadas, sempre levava a pior a 'lep', o chicote zunia no espaço indo de encontro ao meu espinhaço, ferindo a sensibilidade de minha advogada mãe.

Numa dessas noites quentes de  verão, quando o céu sem lua é cenário de  corpos cintilantes, saio discretamente com  o 'Zé' e outros em direção a bodega do Sr. Luís, conhecido por 'Seu Lula'. Lá o 'Zé', com o maior descaramento e com o ar sério indaga:

- O Senhor tem vinagre aberto pra vender em retalho?

O bodegueiro, com ar de inquisidor, responde:

- Tenho.

- Então tampe pra não azedar - retrucou o 'Zé', saindo em desabalada carreira.

Já vi pessoas de meia idade correrem; mas nunca como o Sr. Luís. De um pulo por sobre o balcão, com reflexo de um gato, ele pôde alcançar o 'Zé' antes mesmo que ele passasse além do meio fio do calçadão, onde susteve-o pela camisa. O 'Zé' começou a chorar, enquanto o  bodegueiro bravejava dizendo que não soltaria enquanto não conversasse com seus pais.

Do lado de fora do balcão o Sr. Luís encurralava o garoto impedindo-lhe a fuga com a perna, enquanto curiosos mantinham-se nas proximidades à espera de um desfecho. Não faltaram apelos em  defesa do garoto e alegações de que toda criança gosta de brincar e que, naturalmente, não há maldades em suas peraltices. Acautelando-se, o bodegueiro ainda afogueado pelas palpitações da raiva disse ao 'Zé' num tom imoderado:

- Olhe aqui, seu paspalho de uma figa! Exijo respeito e mim e ao meu estabelecimento! Nunca mais venha com gracinhas abusar da minha paciência! Suma daqui e não volte mais!

No instante em que se viu livre o 'Zé', reiniciando a carreira desabafou, enquanto o Sr. Luís retornava ao interior do balcão.

- 'Seu filho da pu...'

Outro salto espetacular do comerciante, nunca até hoje visto, foi alcançar o 'Zé' quase no mesmo local antes. Ao retornar, sacoleja  fortemente o menino e  ordena alguém para ir chamar o comissário de polícia e os pais do garoto.

Instantes depois chega o comissário. Olha o quadro com estranheza e toma ciência dos fatos. O Sr. Luís, que segura o garoto pela gola esbraveja, afogueado pela cólera:

- Este moleque veio desrespeitar a mim e ofender-me com palavras obscenas.

- Tenha calma, por favor - disse-lhe o comissário, batendo-lhe de leve no ombro.

- Pois bem! Este safado chegou até ao meu balcão e perguntou se eu tinha vinagre aberto pra vender em retalho. Veja que atrevimento!

O comissário espantou-se. Em suas conjecturas não concebia nada de grave ou atrevimento do garoto; quando é sabido ser normal e venda de vinagre em retalho em qualquer bodega.

A mãe do 'Zé' chega aflita e vê o filho, sustentado pelo bodegueiro, chorando entre curiosos.

- Do que se trata afinal? - pergunta a senhora aos que a cercam.

Antes mesmo de qualquer resposta o comissário pede calma e dirigindo-se ao Sr. Luís indaga:

- Afinal, qual foi o agravante que levou o senhor a tomar esta atitude, quando o mesmo apenas perguntou se o senhor tinha vinagre aberto pra vender em retalho?

- O agravante - respondeu o bodegueiro - está em ele ter dito que eu tampasse pra não azedar.

Riso geral.

*Maviael C. Medeiros / Garanhuns, agosto de 1996

Meus papagaios de papel

Antônio Galindo / Agosto de 1996

Quando o vento soprava, o vento fino,

Deixando a rua toda empoeirada,

Nos meus tempos saudosos de menino,

Eu não temia a tarde ensolarada.


Meu papagaio, embora pequenino,

Causando inveja a toda garotada,

Sempre a subir, subir, sem ter destino,

Era o meu sonho, meu prazer, mais nada.


Agora, velho, me lembrando deles,

Pergunto ao tempo: Onde estão aqueles

Que foram outrora todo o meu amor?


Invasores do ar, meus ideais!...

Foram-se embora e não voltaram mais.

Meus papagaios de papel de cor.

Praça Professora Almira da Mota Valença - Garanhuns, PE

Estamos caminhando a passos largos para o precipício, diz Maia


Em live promovida pelo jornal Valor Econômico nesta segunda-feira (2), o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), criticou a postura do governo com relação à agenda econômica. O deputado afirmou que está mais preocupado agora com a situação do país do que em julho. “Hoje já não é mais uma questão do que a Câmara pretende fazer, mas do que nós podemos fazer em conjunto, Executivo e Legislativo”.

Maia pontuou que no pós-pandemia o país terá de enfrentar uma dívida alta aliada a uma pressão "muito grande" por conta dos índices de desemprego, que voltaram a crescer. Outra preocupação do deputado é com o orçamento público para 2021, o que classificou como “incógnita”. “A gente não sabe o que o governo quer, o que o governo vai propor. De alguma forma, o ministro Paulo Guedes está quase que isolado, sozinho na defesa, dentro do governo, da necessidade de se encontrar caminhos respeitando as regras atuais do jogo, começando pelo teto de gastos”, disse.

O presidente da Câmara lembrou que para aprovar o orçamento é preciso aprovar a PEC emergencial e que há uma falta de organização com relação a agenda. "Estamos no limite do teto de gastos. Tenho uma expectativa muito grande e  acho que é o caminho para o Brasil voltar a crescer". Ao mesmo tempo, Maia disse estar pessimista com relação aos prazos das votações e apontou que a questão está "muito desorganizada".

Nas últimas semanas as votações na casa têm sido adiadas em razão da obstrução feita por partidos de oposição e da base do governo. Avante, o PL, PP e PSD obstruem a pauta por causa de disputas na instalação da Comissão Mista de Orçamento (CMO) e da sucessão da Presidência da Câmara, que ocorrerá em fevereiro de 2021. O Centrão, liderado por Arthur Lira (PP-AL) pressiona pela escolha da deputada Flávia Arruda (PL-DF) para presidir a CMO. O grupo do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), resiste e afirma que foi firmado um acordo para o presidente ser o deputado Elmar Nascimento (DEM-BA).

“Eu vi notas outro dia de que era para não deixar a pauta da Câmara andar, para esvaziar a minha presidência. Está esvaziando o governo. E quem vai explodir se a pauta da Câmara não andar não é o meu mandato, que acaba dia 1º fevereiro. Quem explode é o governo”, disse Maia sobre as obstruções.

O presidente da Câmara também falou sobre as disputas internas para presidir a CMO e que se “criou uma crise por nada” com o episódio. “Estamos caminhando a passos largos para o precipício, e todos estamos caminhando para isso juntos, todo o Brasil. E a gente brigando por algo que nem existe, que é o orçamento público”, afirmou.

Fonte: Congresso em Foco

Poder, amor e ódio

Por José Alexandre Saraiva*

O ódio geralmente está associado a pessoas sectárias. Elas não admitem oposição a seus sentimentos ou convicções. Contrariados, os sectários perseguem opositores, espalham o medo e, em casos extremos, mandam matar. Despontam no rol desses seres abomináveis, entre outros, Hitler, Mussolini, Nero e Pinochet. Para essas bestas-feras, a vida dos opositores, próximos ou não, era como a de um inseto ou animal selvagem e desprezível. 

Segundo Paulo Freire, há duas espécies de homens que protagonizam a dinâmica social e política: o sectário e o radical. O sectário tem o veneno do ódio contra opositores; o radical, cujo vocábulo vem do latim “radix”, que significa raiz, costuma fazer valer a força do argumento, mas admite a interlocução. Noutro dizer, o radical é reflexivo, normalmente age com amor, e por isso cede às raízes do opositor quando vê que suas certezas são suplantadas no confronto das ideias. Já o sectário não admite interlocução. Em si, é mero reflexo, uma projeção ou uma sombra de alguma coisa. Age como todo tirano age: com paixão (cujo grau maior é o ódio) e truculência. Seu ego não se harmoniza com o amor, a generosidade, a tolerância e a humildade. O outro (incluindo até mesmo os seus asseclas) só é respeitado se seguir a sua cartilha, ipsis litteris. 

A temática é melhor compreendida no livro Necropolítica, do filósofo e historiador  Achille Mbembe, baseado nas lições de Michel Foucault sobre biopoder (poder da vida). Nessa obra, o  autor camaronês lança interessantes conceitos sobre biopolítica, fenômeno que tanto pode ser útil ao próximo quanto reduzi-lo a uma subespécie humana. No Nordeste, por exemplo, os chamados “gigolôs da miséria”, que têm o poder político de salvar vidas com abertura de poços de água, só o fazem em troca dos votos dos eternamente desassistidos. Esses manipuladores de consciência não sabem conviver com oposição. Têm ódio dela. Temem perder o poder quando ameaçadas as rédeas do assistencialismo por eles engendrado.

*José Alexandre Saraiva é advogado, escritor e músico.

segunda-feira, 2 de novembro de 2020

Cajueiro encantado

João Marques

Faz vinte anos, fui e vi pela última vez o cajueiro. Toquei as folhas, acariciei cascas, e disse algumas palavras de adeus. Nunca mais voltei lá... Menino, passava perto, indo atraído pela graça corrediça do riacho. Outra vezes, a graça era a dele. Movia-se ao vento, para lá e para cá, cantarolando cantigas do vento e das folhas festivas. A safra de apenas três ou quatro cajus, mas doces e grandes. Seu maior encanto, contudo, foi o que vi numa noite. Meu pai, ouvi muitas vezes, ele contando à mesa de refeição que as árvores dalí, do sítio que havia comprado, tinham umas luzinhas no alto. Eu achava muito estranha a conversa. "Uma luzinha no olho do pau", dizia assim... Tempos depois, à noite, vínhamos descendo a ladeira da frente de casa. Eu, Osório, dos trabalhos de casa, e mais gente um pouco atrás. De repente, Osório disse, olha lá, no olho do cajueiro... olhei rapidamente, e estava lá a luzinha. Brilhante, serena, permanente. E o companheiro da caminhada, mais velho que eu, recomendou que eu não contasse ao pessoal que vinha mais distante, para não sentirem medo. Paramos em meio da ladeira, e ficamos entregues à contemplação. Saímos, a luzinha ficou lá...  Seria a alma do cajueiro, que tem vida? ou a alma luminosa dos tempos lúdicos, da pureza da infância... afinal, a luz é própria da natureza viva.

Garanhuns, 02 de novembro de 2020

domingo, 1 de novembro de 2020

Lula e Bolsonaro entram na campanha política de Garanhuns

Lula é associado a campanha de Sivaldo e Pedro Veloso

Na reta final de campanha em Garanhuns, os principais líderes políticos do Brasil, Jair Bolsonaro, atual presidente da República, sem partido, e Luiz Inácio Lula da Silva (PT), ex-presidente, estão mais presentes na propaganda ou contrapropaganda dos postulantes à prefeitura.

Lula está presente diretamente na campanha do candidato Sivaldo Albino (PSB), que tem como vice o médico Pedro Veloso, filiado ao Partido dos Trabalhadores.

Ex-presidente gravou um depoimento, em vídeo, que está circulando nas redes sociais. O líder petista dá a entender que a partir das eleições municipais, com a vitória de candidatos ligados aos movimentos populares e as causas progressistas, o Brasil irá recuperar a sua soberania.

No final, Lula pede que os eleitores de Garanhuns votem em Sivaldo Albino, deixando claro que ele é seu candidato.

Nenhum outro dos postulantes ao Governo Municipal usa o nome ou a imagem de Lula. Parece também que ninguém quer se associar diretamente a Bolsonaro.

Silvino Duarte (PTB) evita federalizar a campanha, mas esta semana sua Assessoria de Imprensa distribuiu release à imprensa local informando que ex-prefeito recebeu o apoio do senador pernambucano Fernando Bezerra Coelho.

Aí não tem como se dissociar do líder da direita: FBC é simplesmente o líder do Governo Bolsonaro no Senado Federal.

Em cima disso, os adversários resgatam fotos de Izaías e Haroldo, em 2018, vestidos com camisas do então candidato do PSL, pedindo votos para ele nas ruas de Garanhuns.

Curioso é que o delegado João Lins (DEM), que tem um discurso mais próximo do usado pelo presidente, não está vinculando seu nome ao do líder da extrema direita.

Paulo Camelo (PCB) é crítico tanto do atual presidente quanto de Lula, embora quando iniciou sua militância partidária tenha sido filiado ao PT.

Para o representante do Partido Comunista, Silvino, Sivaldo e Zaqueu são representantes da mesma burguesia e da Legião Estrangeira que domina Garanhuns há décadas.

Zaqueu não vincula seu nome a nenhum líder nacional ou estadual, uma vez que o governador Paulo Câmara é do mesmo partido de Sivaldo.

De fora do município, os grandes apoiadores do vereador são os deputados Eduardo da Fonte e Claudiano Filho.

Candidato pela Rede, Valter Couto tem se preocupado em discutir as questões locais e praticamente não citou na campanha o nome da ex-ministra Marina Silva, maior liderança do partido Rede da Sustentabilidade.

Por fim, Ronaldo Todinho, candidato pelo Pros, também privilegia na sua campanha os temas locais, não se vinculando a lideranças de fora.

Não resta dúvida de que o eleitor escolhe o prefeito com base em temas locais, mas as pesquisas indicam que o garanhuense tem mais simpatia por candidatos ligados a Lula de que a Bolsonaro.

Daí o ex-presidente ter entrado na campanha municipal, com falas em áudio, vídeo e estampado em fotografias ao lado de Sivaldo e Dr. Pedro.

Fonte: Blog do Roberto Almeida

Por falta de dinheiro, fornecimento de água a cidades no Nordeste deve ser interrompido

Seca - Foto: Anchieta Gueiros

Por falta de dinheiro, famílias que dependem de carros-pipa no Nordeste devem deixar de receber água potável a partir deste domingo (1º), em meio ao período de seca na região.

Segundo relatos feitos à reportagem, a interrupção do serviço, por meio da Operação Carro-Pipa, foi informada por integrantes do governo federal a autoridades estaduais e municipais de estados como Bahia e Pernambuco.

A iniciativa, que atende cerca de 850 municípios, prevê que o Exército fiscalize e coordene a distribuição da água em áreas atingidas pela seca.

A reportagem teve acesso a um aviso de um batalhão baiano a motoristas de caminhões-pipa, enviado na quinta-feira (29), especificando que o serviço será interrompido "por falta de recursos para pagamentos diversos".

Procurado pela reportagem, o Exército não se manifestou até a publicação desta reportagem.

O governo federal tinha conhecimento de que não haveria dinheiro suficiente e pediu a realocação de recursos para que o Exército contratasse carros-pipa. O projeto que autoriza a medida, porém, ainda não foi votado pelo Congresso.

Documento com data de 30 de setembro anexado ao PLN (projeto de lei do Congresso Nacional) nº 30 informa que o crédito em pauta visa possibilitar o atendimento de despesas no Ministério do Desenvolvimento Regional, entre outros.

Ele detalha que os recursos são para o "custeio da Operação Carro-Pipa entre os meses de setembro a dezembro visando garantir o atendimento com água potável à população vitimada pela seca no semiárido brasileiro, entre outras". O texto é assinado pelo ministro Paulo Guedes (Economia).

Nesta sexta-feira (30), o senador Jaques Wagner (PT-BA) ingressou com requerimento pedindo esclarecimentos ao ministro Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) sobre o fornecimento de água no Norte e no Nordeste.

O documento aponta que a iniciativa envolve cerca de 7.000 veículos, que levam água para 79 mil pontos de abastecimento e cisternas coletivas.

Em São Bento do Una (PE), a 210 km do Recife, a prefeitura disse que há 144 pontos abastecidos pelo Exército.

Com a interrupção do serviço, a prefeita Débora Almeida (PSB) afirmou que entre 30 e 40 famílias ficarão sem água. "É muito ruim. Estamos na seca. A prefeitura não consegue abastecer todo mundo. É impossível", afirmou Almeida à reportagem.

"Eu nem tenho carro-pipa suficiente. Só tenho três caminhões e temos de abastecer hospital, posto de saúde, e as escolas, mesmo sem estarem funcionando. Não conseguimos chegar no número de pessoas que eles chegam", afirmou.

A prefeita disse que um de seus secretários recebeu de integrante do Exército mensagem que dizia "informo que na semana que vem a operação vai estar parada até recebermos os créditos do MDR [Ministério do Desenvolvimento Regional]. Estávamos com as OS [ordens de serviço] feitas, porém não chegaram os créditos".

O presidente da Amupe (Associação Municipalista de Pernambuco), José Patriota, disse que os prefeitos foram informados do corte apenas nesta sexta, dois dias antes da interrupção do serviço.

No fim da tarde, ele ainda tomava pé da situação e articulava com a bancada nordestina do Congresso uma solução para o problema.

A região passou por sete anos de seca, de 2012 a 2019. Em 2020, voltou a chover, mas agora o momento é de estiagem. "Isso vai dar um rebuliço grande. É o pico da seca de todo o semiárido nordestino", disse Patriota.

O Ministério do Desenvolvimento Regional informou que solicitou a suplementação de recursos do orçamento para manter as ações da operação carro-pipa, bem como a continuidade de obras essenciais na áreas de saneamento e segurança hídrica, evitando paralisações.

O remanejamento de recursos está previsto no PLN 30, que aguarda apreciação pelo Congresso Nacional. De acordo com a pasta, para a manutenção da operação carro-pipa até o final do ano são necessários R$ 142 milhões.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), disse à reportagem que o Congresso fará sessão na quarta-feira (4) para votar todos os 29 PLNs, matérias que abrem espaço no Orçamento, que estão parados sobre sua mesa.

Fonte: Folha de Pernambuco